JBS suspende contrato com fornecedor que supostamente maltratava animais

Vídeo que mostra maus-tratos contra porcos se espalhou rapidamente na internet, e a companhia decidiu interromper a parceria

Por: - 5 meses atrás

A JBS, maior produtora de carne do mundo, disse nesta terça-feira (18) que suspendeu o contrato com a fornecedora americana que supostamente fazia crueldade contra porcos, denunciada por um grupo de direitos dos animais. O Mercy for Animals divulgou um vídeo que mostra funcionários provocando maus-tratos a leitões, e as imagens se espalharam rapidamente na internet.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno

“As imagens apresentadas no vídeo estão em total desacordo com os padrões e exigências da companhia que, tão logo tomou conhecimento desse material, suspendeu o contrato com essa planta e iniciou uma investigação para apurar responsabilidades e, assim, tomar as medidas cabíveis”, disse a JBS, em comunicado. “A JBS não compactua ou admite abusos envolvendo animais sob nenhuma hipótese.”

O Mercy for Animals afirmou à Reuters que o vídeo foi gravado em uma unidade em Kentucky, nos Estados Unidos, entre dezembro de 2017 e março de 2018, mas a agência não conseguiu confirmar a autenticidade das imagens nem os autores.