Amazon está interessada em rede americana de cinemas

A Amazon quer entrar no mercado de cinemas e estaria prestes a comprar uma grande rede com mais de 250 salas. Americana segue passos do Alibaba. Entenda

Por: - 1 ano atrás

Shutterstock

A Amazon está no páreo para comprar a rede americana de cinemas Landmark Theatres. Segundo a Fortune, as conversas ainda são inconclusivas e o acordo pode desmoronar. Hoje, a rede tem 250 salas de cinema e 50 teatros, incluindo modelos de alto padrão em Nova York, Filadélfia, Chicago, Los Angeles e São Francisco num total de 27 estados.

A Landmark foi fundada em 1974 como cadeia de cinemas focada em filmes independentes e estrangeiros.

A empreitada da Amazon no mundo audiovisual já contempla estúdio de cinema e TV e serviço de música. O Amazon Prime, serviço premium da empresa, garante conteúdos exclusivos de séries e filmes para seus assinantes, além de benesses na compra de produtos na sua plataforma, como entrega em tempo reduzido.

Mercado para os menores

A Amazon surgiu como vendedora de livros e foi responsável por abrir um mercado dominado por grandes títulos, que passou a ser mais pulverizado depois da entrada da varejista. A ideia da gigante americana, segundo a Fortune, é fazer algo semelhante no mercado de exibição de filmes.

A Amazon não é a única varejista mundial que está se arriscando pelo mercado audiovisual. Recentemente, o Alibaba, grande concorrente do varejo on-line, reuniu-se com estúdios de Hollywood para criar um concorrente de peso para o Netflix. A iniciativa deve custar mais de 1 bilhão de dólares.