Toyota e Uber firmam acordo para desenvolver carros autônomos

O sistema deve entrar em fase de testes em 2021. Montadora também vai investir US$ 500 milhões na empresa de carona

Por: - 10 meses atrás

A Toyota e a Uber vão fornecer serviço de carona em carros autônomos que deve ser testado a partir de 2021. O acordo prevê que as duas companhias vão disponibilizar suas tecnologias para construir os modelos que vão ser usados pela rede da Uber. Separadamente, a Toyota também vai investir US$ 500 milhões na empresa comandada por Dara Khosrowshahi.

“Combinar os nossos esforços com a Uber, uma das maiores empresas de carona, pode nos ajudar a avançar no futuro da mobilidade”, afirmou Shigeki Tomoyama, vice-presidente executivo da Toyota Connected Company. “O acordo e o investimento marcam um ponto importante na nossa transformação em uma empresa de mobilidade”, acrescenta.

O acordo é o primeiro do tipo para a Uber e sinaliza o compromisso de levar tecnologias de classe mundial para a rede. “Nosso objetivo é implantar os carros mais seguros do mundo na Uber, e o acordo é um passo significativo para tornar isso uma realidade”, afirmou Khosrowshahi, da Uber.

A frota inicial Autono-MaaS (mobilidade autônoma como serviço) será baseada na plataforma Sienna Minivan da Toyota. O sistema de direção autônoma da Uber e o sistema de suporte de segurança automatizado Toyota Guardian serão integrados aos veículos Autono-MaaS. A Toyota também utilizará sua plataforma de serviços de mobilidade (MSPF), principal infraestrutura de informações para veículos conectados.

“O sistema de direção automatizada da Uber e o sistema Guardian da Toyota monitorarão independentemente o ambiente do veículo e a situação em tempo real, aumentando a segurança geral do veículo tanto para o motorista quanto para o veículo”, disse Gill Pratt, CEO do Instituto Toyota de Pesquisa e TMC Fellow. “Esperamos que essa parceria acelere o desenvolvimento de ambas as empresas e a implantação de tecnologia de condução automatizada.”