Itaú recorre ao PayPal para deixar vendas on-line mais rápidas e seguras

Itaú e PayPal firmam parceria para dar mais celeridade e segurança ao checkout on-line. Pagamento eficiente ao lojista vítima de fraude é um dos pontos

O banco Itaú fechou parceria com o PayPal, anunciada nesta quarta-feira (29/08), para alavancar a eficiência e a agilidade das operações bancárias na internet. A ideia é reunir o enorme banco de dados do Itaú e da Rede, operadora de meios de pagamento do banco, à eficiência da empresa de pagamentos on-line.

Hoje, 350 mil lojistas usam o PayPal em suas plataformas on-line. A empresa não revelou número relacionado à perspectiva de aumento no número de novos lojistas com a parceria, mas disse esperar que o número de consumidores finais passe dos atuais 3,8 milhões para 4,8 milhões em dois anos.

Chargeback

Por parte do Itaú, o banco tem como principal interesse garantir o eficiente sistema de chargeback, um dos pontos fortes do PayPal, que garante ao lojista devolução dos valores envolvidos numa transição errada ou fraudulenta.

A parceria não pede fidelidade a nenhuma das duas partes, que poderão fechar acordos semelhantes com outras empresas. O PayPal anunciou, recentemente, operação semelhante com o Banorte, no México.

Os serviços passarão a ser oferecidos no último trimestre deste ano.

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Vídeos

VEJA MAIS

Revista Consumidor Moderno

VEJA MAIS