Crianças e adolescentes estão mais conectados à internet

Segundo pesquisa da Cetic.br, 85% dos jovens de nove a 17 anos têm acesso à web e usam predominantemente para enviar mensagens instantâneas

Por: - 2 meses atrás

Crianças e adolescentes brasileiros estão lendo mais notícias pela internet. No ano passado, 51% dos 3.102 jovens de nove a 17 anos ouvidos pela pesquisa TIC Kids Online Brasil, divulgada pelo Cetic.br,  se informaram pela web; em 2013, essa proporção era de 34%. Mas o principal intuito ainda é enviar mensagens instantâneas (79%), assistir a vídeos on-line (77%), ouvir música (75%) e usar redes sociais (73%), segundo o levantamento. Além disso, usam a internet para pesquisar informações para trabalhos escolares (76%). “Embora as práticas de comunicação e entretenimento continuem predominantes entre a população jovem, a internet oferece inúmeras oportunidades de desenvolvimento para a cidadania e engajamento”, destaca Alexandre Barbosa, gerente do Cetic.br.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno

Em sua sexta edição, a TIC Kids Online estima que cerca de oito em cada dez crianças e adolescentes (85%) eram usuários de internet em 2017, o que corresponde a 24,7 milhões de jovens em todo o País. Em 2016, essa proporção era de 82%. Os resultados apontam também para a persistente disparidade regional e socioeconômica no acesso e uso da rede: nas áreas urbanas chegam a 90%, enquanto nas rurais, a 63%; nas classes AB atingem 98% e nas DE, 70%.

Ao longo dos últimos anos, a pesquisa observou um crescimento no uso de dispositivos móveis. Se em 2012, 21% de crianças e adolescentes acessaram a rede por meio do celular, em 2017, são 93%, o que representa 23 milhões de crianças e adolescentes. Já o uso da internet por meio de computadores (considerando-se computadores de mesa, portáteis e tablets) apresentou queda de 37 pontos percentuais: passando de 90%, em 2013, para 53%, em 2017.