Ferramenta do Google cria e impulsiona anúncios usando machine learning

Depois que o anunciante coloca alguns dados na plataforma, o “Campanhas Inteligentes” busca usuários com maior chance de clicar nos anúncios

Por: - 2 meses atrás

O Google lançou uma ferramenta que promete facilitar o trabalho de quem quer anunciar usando o Google Ads. Chamada de “Campanhas Inteligentes”, a função usa recursos de machine learning para criar os anúncios e ainda escolhe o público com mais chances de conversão da campanha publicitária. O serviço do Google foi lançado em junho nos Estados Unidos e agora está disponível no Brasil.

Como funciona

A empresa que quiser usar o sistema precisa seguir apenas dois passos. Na primeira etapa, o anunciante seleciona o objetivo da campanha. É preciso dizer se a propaganda quer direcionar o público para uma loja física, para o e-commerce da marca ou atendimento telefônico. Na segunda etapa, o anunciante precisa informar alguns dados: exemplo de texto, raio de alcance, telefones de contato e imagens.

Depois de inserir os dados, o sistema cria o anúncio e identifica usuários que provavelmente clicarão na propaganda. O software usa dados dos consumidores para descobrir qual a necessidade do cliente naquele momento. Cruzando os dados, o Campanhas Inteligentes consegue identificar, por exemplo, pessoas que pesquisaram por roupas e, assim, mostrar anúncios do varejo de moda. A ferramenta cuida da parte de criação sozinha. Porém, é possível fazer alterações nas campanhas. Os anunciantes podem alterar informações como orçamento e raio de atuação.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno

A nova função que o Google trás para o Brasil deve favorecer, principalmente, os pequenos lojistas. Empresas que ainda estão em fase inicial podem não conseguir investir em conteúdos feitos por agências especializadas. O Google afirma que as propagandas criadas e impulsionadas com o Campanhas Inteligentes apresentam resultados, em média, três vezes melhores do que o comum.