Emirates vai realizar check-in dos passageiros via reconhecimento biométrico

Companhia aérea já realizou testes no Aeroporto Internacional de Dubai. Novidade da Emirates elimina filas e pode até ajudar passageiros atrasados

Por: - 1 semana atrás

Crédito: Divulgação

Os passageiros da Emirates vão poder fazer o check-in, concluir formalidade de imigração e embarcar em seus voos simplesmente caminhando pelo aeroporto. A companhia aérea está se preparando para lançar o primeiro “caminho biométrico” do mundo.

O sistema mistura o reconhecimento facial e de íris para identificar seus clientes no Aeroporto Internacional de Dubai. Por enquanto, a tecnologia está presente em apenas um terminal da Emirates, na área de controle de passaportes. Lá, os passageiros passam pelo Smart Tunnel e são dispensados pelas autoridades de imigração sem intervenção humana.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

O Smart Tunnel foi desenvolvido pela General Directorate of Residence and Foreigners Affais (Direção Geral de Assuntos de Residentes e Estrangeiros em Dubai) em parceria com a Emirates. O sistema começou a ser testado no último dia 10.

Assim que os testes forem concluídos na área de controle de passaportes, a companhia aérea começará novas experiências, desta vez em outros pontos importantes para o cliente no aeroporto – check in, lounge e portão de embarque.

“Após extensa pesquisa e avaliação de inúmeras tecnologias e novas abordagens para melhorar nossa jornada de passageiros, estamos satisfeitos com o trabalho preliminar que realizamos”, afirma Adel Al Rehda, vice-presidente executivo e diretor de operações da Emirates.

O ”caminho biométrico” da companhia aérea abrangerá as áreas de embarque, chegada, trânsito, conexões com motoristas e acesso ao lounge em Dubai. Inicialmente focada nos viajantes da Primeira Classe e da Classes Executiva, a Emirates pretende estender rapidamente o “caminho biométrico” para os viajantes da Classe Econômica em Dubai, e futuramente para outros aeroportos fora de Dubai, e também para sua instalação de check-in de tripulação.

Além de trazer agilidade aos processos e eliminar filas, a tecnologia que está sendo implantada pela Emirates promete melhorar a segurança do Aeroporto Internacional de Dubai. O caminho biométrico permite que a administração do terminal identifique os passageiros “ao vivo”, o que ainda pode ajudar os clientes atrasados que perderiam seus voos. A ideia é que a companhia aérea e administração do aeroporto atuem em conjunto para identificar e ajudar quem se atrasou.