Pela primeira vez, Apple americana participa do Black Friday

Nos EUA, consumidores poderão aproveitar ofertas durante quatro dias. Ação se estende até o Cyber Monday, extensão das promoções de sexta-feira

Por: - 3 meses atrás

Apple nos EUA decidiu participar, pela primeira vez, da Black Friday. A data, conhecida pelos descontosatrativos no comércio e pelas filas nas portas das principais redes varejistas do país, terá quatro dias de preços especiais na gigante de tecnologia, terminando na “Cyber Monday”.

Analistas do setor de tecnologia avaliam que a decisão da Apple de entrar na Black Friday teve como motivação os resultados abaixo do esperado nas vendas do iPhones XR, XS e XS Max.

Desde quarta-feira, o site da empresa (www.apple.com) já trazia um aviso para que os consumidores interessados nas ofertas marcassem a data no calendário.  Alguns clientes receberam e-mails avisando sobre os quatro dias de descontos. As mensagens, que seguiram com o título “MacRumors”,  lembravam os interessados que a iniciativa vai do dia 23 a 26 de novembro.

A página oficial, até a tarde de quinta-feira,  ainda não indicava quais produtos terão descontos. Mas na Austrália, país onde já era Black Friday, o site oficial da Apple apresentava os valores dos gifts cards para compra de iPhones (70 dólares australianos), iPads (140 dólares australianos) e Macbooks (280 dólares australianos).

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

Os produtos disponibilizados no site da Austrália revelaram que a empresa deve colocar na lista de ofertas produtos mais antigos. No caso dos iPhones, os modelos disponíveis são: iPhone 7, 7 plus, iPhone 8 e o 8 plus. O iPhone X não aparecia como disponível para uso dos descontos.