Entretenimento é alternativa para conscientização na área da saúde

Ação desenvolvida pela Sodexo On-site Brasil, realizada no Sabará Hospital Infantil, utiliza o entretenimento e a diversão para conscientizar. Entenda

Por: - 3 meses atrás

Para as crianças, cores e personagens são alternativas que distraem, conquistam, agradam. Hospitais, por outro lado, são ambientes nem um pouco agradáveis. Por isso, diversas empresas da área de saúde têm optado por inserir, no dia a dia, formas de entretenimento para o público infantil. Um exemplo nesse sentido foi desenvolvido pela equipe de limpeza da Sodexo On-site Brasil, nos corredores do Sabará Hospital Infantil. A empresa estampou nos uniformes e nos carrinhos da equipe alguns os monstrinhos, chamados Bacterino, Poeiruda, Germinha e Sujeirito. A ideia é conscientizar sobre o controle de infecção hospitalar de maneira além de atender às estratégias de humanização do Sabará.

“Queríamos que todos os setores do Sabará estivessem alinhados com o propósito do Hospital, que é garantir qualidade e segurança ao paciente com padrão internacional, sem contar o grande diferencial que é proporcionar um ambiente humanizado, feito especialmente para as crianças”, conta a gerente de apoio do Sabará, Liliane Soares.

Em um hospital onde todas as paredes trazem ilustrações, o raio X parece uma astronave, o chão é colorido e os berços estampados, fazia todo sentido que esta equipe também deixasse os uniformes tradicionais de lado e entrasse na imaginação das crianças. Para Liliane, seria importante que a equipe de limpeza tivesse um uniforme que valorizasse a atuação do profissional.

“Essa iniciativa vem ao encontro do nosso objetivo de implantar um ambiente físico e emocional propício à convalescença dos pacientes, melhorando sua experiência e a de sua família durante o período de internação”, explica o diretor superintendente do Hospital, Dr. Wagner Marujo.

A ação leva o nome de Caçadores de Monstros. “Nosso objetivo é que o auxiliar de limpeza seja visto como um agente que trabalha para diminuir os riscos de infecção hospitalar. Ele é um dos responsáveis por tornar o ambiente do hospital mais seguro”, completa Sandra Passos, CEO do Segmento Saúde da Sodexo On-site Brasil.

O planejamento e processo de implementação do projeto levou cerca de um ano e envolveu diversos setores do Sabará e da Sodexo. “Cada detalhe foi pensado, desde a operacionalização até a criação dos nomes dos monstrinhos, que são os principais agentes de infecções – sujidade, bactérias, germes e poeira, que causam danos e podem ser prejudiciais aos pacientes”, completa Sandra.

O projeto foi totalmente personalizado para o Sabará Hospital Infantil e é uma ação inédita da Sodexo.