O que os consumidores esperam dos carros do futuro?

Levantamento sobre o tema considerou características como gastos com combustível, mobilidade, tecnologia, status e meio ambiente. Carros elétricos surgem como alternativa. Entenda

Por: - 7 meses atrás

O futuro da mobilidade é uma preocupação para diversos setores do mercado, mas o que o consumidor espera? Com proposta de compreender o que os consumidores amantes de carros esperam do futuro dos automóveis, o MOB INC – consultoria de pesquisa e análise de consumidores -, desenvolveu um levantamento os chamados early adopters, que corresponde àqueles que têm uma relação com um produto de forma mais engajada.

Confira a edição online da Revista Consumidor Moderno! 

Os consumidores com esse perfil possuem influência fundamental na cadeia de consumo, uma vez que são os que costumam gerar mais insights inovadores para as empresas e, de quebra, se tornam influenciadores importantes do mercado.

O levantamento contou com cerca de 80 consumidores em uma amostra composta por 50% homens e 50% mulheres. Os respondentes estão na faixa etária entre 25 e 55 anos e pertencem às classes A, B e C, em São Paulo. As categorias analisadas em questão foram SUVs, Hatch e Sedan, de modo que os principais critérios observados foram autos elétricos, aumento de combustível, tecnologia, mobilidade, custo, status e meio ambiente. 

Características como design e conforto são citadas como diferenciais importantes para que 75% dos respondentes, contudo, desde que correspondam à realidade de grandes metrópoles. Segundo Thiago Felinto, CEO da MOB.INC, o número está de acordo com as movimentações recentes do mercado. “Essa demanda se valida quando observamos que, no ano passado, a categoria de hatches compactos foi a mais vendida e representou quase a metade de todo o volume de vendas de carros no mercado nacional”destaca.

Status x realidade

Um dos dilemas na tomada de decisão para as compras se baseia no que você sonha em ter e o que a realidade te oportuniza no momento. De acordo com o levantamento, 58% dos entrevistados repensar a necessidade de um carro grande ou ter mais de um modelo na garagem são aspectos levados em consideração. Para eles, o carro próprio está ligado a ideia de conforto, mas também são abertos para novos modais, como aluguel de carros e corridas individuais com aplicativos.

Meio ambiente

Os carros elétricos começam a se tornar uma alternativa cada vez mais viável em um planeta ecologicamente colapsado. A pesquisa indica que 85% dos entrevistados mencionam a preocupação que as montadores devem ter no momento de desenvolver carros que tenham menos consequências na emissão de poluentes. A grande aposta das montadoras no momento é acelerar o processo de afirmação de modalidade sem combustível, contudo, os custos ainda são uma preocupação recorrente.