ONU lança plataforma de incentivo à contratação de refugiados

Plataforma digital Empresas com Refugiados foi criada para facilitar o contato entre corporações brasileiras e os imigrantes abrigados no país

A ONU lançou, na última quarta-feira (3), a plataforma digital “Empresas com Refugiados” para facilitar o contato entre corporações brasileiras e os imigrantes abrigados no país. A ferramenta oferece informações para as organizações interessadas em contratar refugiados, além de mostrar boas práticas de outras empresas que contribuem para a recolocação dos estrangeiros no mercado corporativo.

Segundo o Comitê Nacional para Refugiados, até o final de 2018, o Brasil reconheceu 10.522 refugiados vindos de 105 países, como Síria, República Democrática do Congo, Colômbia, Palestina e o Paquistão. Desse total, 52% moram em São Paulo e mais de 5 mil são empregados com carteira registrada no país.

Com a criação da plataforma, a expectativa é a de que mais empresas adotem as práticas e disponibilizam cada vez mais oportunidades direcionadas a refugiados. A iniciativa surge da parceria entre o Pacto Global da ONU e a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), com o objetivo de promover os direitos humanos e o desenvolvimento sustentável de práticas corporativas e empresariais com apoio ao empreendedorismo, incentivo a meios de conhecimento e realizar de iniciativas de sensibilização e engajamento.

A ACNUR

?A agência da ONU para Refugiados é uma organização humanitária internacional dedicada a proteger os direitos e construir um futuro digno para refugiados, deslocados internos e pessoas apátridas. Criada em 1950, atualmente a agência está presente em cerca de 140 países com mais de 510 escritórios, com assistência e proteção a mais de 70 milhões de homens, mulheres e crianças em todo o mundo.




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS