Fast Company: lista dos mais criativos nos negócios traz três brasileiros

Revista de tecnologia elencou os nomes mais relevantes do mundo dos negócios na categoria. Veja quem são eles

Foto Unplash

Já parou para pensar quem são as pessoas mais inovadoras do mundo? Como de praxe, a revista de tecnologia Fast Company divulgou a lista dos 100 mais criativos do mundo dos negócios e, desta vez, o ranking traz três brasileiros: Federico Vega (CEO da Cargo X), Fernando Machado (CMO do Burger King) e Mariana Vasconcelos (Co-fundadora e CEO da Agrosmart).

“Nada deixa a equipe editorial da Fast Company mais animada do que ouvir sobre alguém que tenha um efeito genuíno e positivo no mundo fazendo algo que ninguém jamais fez antes. Durante todo o ano, através de nossos relatórios, pesquisas e conversas, encontramos indivíduos dinâmicos como esses e, uma vez por ano, celebramos 100 deles em nossa edição de Pessoas Mais Criativas nos Negócios. Este ano marca o 10º aniversário do projeto”, diz o texto introdutório.

O top100 também traz um diferencial: é composto por nomes que nunca estiveram nas páginas da revista. “Esses visionários funcionam em todos os setores imagináveis, da IA ??à moda e à primatologia. Mais da metade deles são mulheres. Quase um terço afrodescendentes. E mais de um quarto vem de fora dos EUA. Juntos, eles revelam para onde os negócios globais estão indo.”

Saiba mais sobre esses três executivos:

negócios

FEDERICO VEGA (CARGO X)
Depois de figurar na lista das empresas mais inovadoras do ano, em 2018, também pela Fast, a Cargo X voltou a ser assunto na imprensa nacional e internacional, desta vez pelo trabalho de Federico Vega, CEO da logtech. “Reescrever a cultura de transportes de carga no Brasil, este é o propósito da Cargo X e o meu também. Ser reconhecido por isso é algo muito gratificante. Continuaremos trabalhando para garantir, cada vez mais, resultados positivos para caminhoneiros, empresas, empreendedores frotistas e outros atores do nosso setor “, afirma Federico em comunicado. 

Empreendedor nato, vega deu o start no que viria a ser a Cargo X depois de fazer viagens de bicicleta e perceber a falta de infraestrutura para os caminhoneiros e transportadoras. Fundada em 2013,  a empresa já passou por cinco rodadas de investimento e trouxe mais de 340 milhões de reais para o país.

negócios

FERNANDO MACHADO (BURGER KING)
No ano passado, o executivo esteve à frente de mais uma dessas campanhas memoráveis da rede de fastfood. Nos Estados Unidos quem tivesse o app da empresa precisaria estar a 190m de uma loja do McDonald’s para ganhar um cupom que dava direito a um Whopper por 1 dólar. 

Além disso, a empresa voltou ao Super Bowl depois de 13 anos com Andy Warhol como garoto-propaganda. A iniciativa fez com que o Burger King fosse a empresa mais mencionada no Twitter. “Não somos a maior marca do mercado, então tudo que fazemos precisa ser contabilizado”, afirmou Fernando Machado, que entrou para o Burger King em 2014 depois de 18 anos na Unilever.

negócios

MARIANA VASCONCELOS (AGROSMART)
Filha de um produtor rural, fundou a empresa em 2014, com apenas 23 anos. A ideia é unir tecnologia com agricultura através de um app que possibilita uma economia de até 60% no uso de água e 30% na energia utilizada para a irrigação de espaços rurais.

Com a ferramenta é possível monitorar por meio de sensores na terra variações ambientais, como chuva e umidade do solo. A Coca-Cola tem utilizado o dispositivo para monitoras suas fazendas no Espírito Santo. “Quis levar a tecnologia aos agricultores para que eles pudessem ser mais resilientes”, afirmou.

CLIQUE AQUI para ver a lista completa

negócios

Foto Unplash

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Quanto custa abrir uma franquia de varejo no Brasil?

Home office é tendência de trabalho para 2020: veja 5 dicas

“Parasita”: Pessoas, baratas, parasitas e a diluição da identidade

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

Quais são as tendências para 2020. Veja a lista

VEJA MAIS