Rede de hamburguerias inclui lanche com “carne de plantas” no cardápio

Produzido com vegetais, lanche promete gosto, textura e cheiro de carne, porém, sem conter a proteína animal. Saiba mais sobre a novidade

Por: - 5 meses atrás

hambúrguer

Em parceria com a foodtech Fazenda Futuro, a Black Beef –  hamburgueria Fast Casual que começou como um food truck de lanches artesanais em Maceió –, lançou um hambúrguer vegetal para um novo lanche da rede. A casa  promete uma experiência com textura, gosto e cheiro de carne, porém, sem conter a proteína animal.

LEIA MAIS: Confira a edição online da Revista Consumidor Moderno! 

A novidade recebeu o nome de Futuro Black Beef e conta com parmesan cream e molho de shitake com queijos em sua montagem. Com pão tipo brioche, o lanche sai por R$ 26, mas vale destacar que a carne pode ser adicionada a qualquer outra opção do cardápio.

O hambúrguer possui preparado protéico (17 gramas de proteína) com ervilha, proteína isolada de soja e de grão de bico, além de temperos como sal, pimenta, cebola e suco de beterraba para emular a cor da carne. Num primeiro momento, as unidades de Brasília e Belo Horizonte devem receber a novidade. Nas próximas semanas já deve chegar a regiões como São Paulo e Rio Grande do Sul.

LEIA TAMBÉM: Hambúrguer vegetal com gosto e textura de carne começa a ser vendido em supermercado

“Estamos muito entusiasmados com este novo produto. Queremos atingir todos os tipos de consumidores para nossas lojas. Nossa expectativa é que todas as lojas Black Beef tenham o Futuro Burger no cardápio até o final do mês”, explica Mauricio Coutinho, CEO da rede.

A rede foi idealizada pelo chef Deco Sadigursky, em 2014, e se destaca pela utilização de ingredientes frescos e gramatura de carnes superiores às praticadas pelas redes concorrentes. A marca tem como sócios o ator Caio Castro e Mauricio Coutinho.

No dia do hambúrguer, influenciadores listam seus lugares favoritos em SP