Startup cria canudo comestível como alternativa para plástico

Os canudinhos possuem diversos tamanhos e há opções de sabores em limão, laranja lima, morango, canela, maçã verde, chocolate e gengibre

Por: - 3 meses atrás

canudo comestível

Pedir um suco ou refrigerante ao garçom e recebê-los com canudinho é algo comum no dia a dia. Um movimento contra o uso de canudos de plástico vem crescendo e espalhando a ideia por todo o mundo. Diversas cidades já proibiram o uso do descartável em comércios, bares e restaurantes, inclusive a cidade de São Paulo.

O que poucos sabem é que esses pequenos tubos representam uma ameaça ao meio ambiente. O canudinho de plástico, tradicional, leva aproximadamente 400 anos para se decompor na natureza. Durante esse período, o material se desintegra em pedaços menores e acaba sendo ingerido por animais.

E foi pensando em uma alternativa para o plástico que os espanhóis Sánchez, Enric Juviña, Michael Barffé e Carlos Zarzano decidiram fazer do problema uma oportunidade de negócio. Foi então que criaram a Sorbos, marca de canudos comestíveis e 100% biodegradáveis.

LEIA MAIS: Confira a edição online da Revista Consumidor Moderno! 

Os canudinhos possuem diversos tamanhos, não exigem métodos especiais de conservação e podem ser encomendados de forma personalizada. Há opções de sabores em limão, laranja lima, morango, canela, maçã verde, chocolate e gengibre.  Segundo os empresários, os canudos não alteram o sabor da bebida e levam até uma hora para se desmancharem. Cada unidade tem 24 calorias. Os canudos são feitos com açúcar, gelatina bovina e amido de milho.

Eles podem ser adquiridos no site da marca, onde é possível solicitar mudanças em serigrafia, cor e desenho. Um pacote básico com 40 unidades e sabores sortidos custa, por exemplo, ‎€ 13,50, cerca de R$ 53, sem frete.

Vilões

Uma pesquisa realizada pela organização Ocean Conservancy listou os dez resíduos mais encontrados nas ações de limpezas de praia:

Bitucas de cigarro;

Sacolas de plástico;

Embalagens de alimentos;

Tampas de plástico;

Garrafas plásticas;

Copos, pratos, garfos, facas e colheres plásticas;

Garrafas (vidro);

Latas;

Canudos;

Sacolas de papel

LEIA MAIS: Empresa lança papel especial para produção de canudos

canudo comestível