Como marcas e agências podem contratar e manter equipes diversificadas

David Slocum, professor da Berlin School of Creative Leadership, dá dicas práticas para a contratação e retenção de equipes diversificadas em organizações

Por: - 3 meses atrás

equipes diversificadas

Times homogêneos produzem resultados homogêneos. Por outro lado, equipes diversificadas, construídas em torno de perspectivas, experiências e habilidades distintas, abrem espaço para a criatividade e a inovação. Segundo o professo David Slocum, docente na Berlin School of Creative Leadership, contratar equipes diversificadas sempre foi um desafio, tendo em vista a necessidade, muitas vezes urgente, de preencher vagas.

Por outro lado, isso dá oportunidade de ir além da mentalidade de trade off, ou aquele desagradável cobertor curto, no qual gestores acabam criando um problema para resolver outro.

Para ele, os contratantes poderiam, em vez de rejeitar a contratação de funcionários com perfis diversificados, tornar os processos de seleção mais longos (por mais que sejam efetivos), focar nos benefícios que esses candidatos trazem para suas organizações.

LEIA MAIS: Os cinco perfis do consumidor e o predominante no Brasil, segundo a Nielsen

Ideal

David Slocum afirma que não existe uma fórmula perfeita, mas ter lideranças transparentes, compromisso com estratégias organizacionais e práticas de recrutamento bem pensadas podem trazer mudanças importantes. Listamos aqui algumas iniciativas que vimos funcionar bem na prática: