Um terço dos projetos corporativos de IoT “morrem” na fase de projeto

Um estudo produzido pela Microsoft mapeou a internet das coisas (IoT) no mundo corporativo. Embora os números sejam animadores, há um longo caminho pela frente para um mundo hiperconectado

Por: - 2 meses atrás

internet das coisas Crédito: Pixabay

Quase um terço ou 30% dos projetos corporativos de internet das coisas (IoT) falham ainda na chamada prova de conceito – ou modelo prático para comprovar a ideia. Em muitos casos, o motivo está relacionado ao custo da implementação ou os benefícios finais não são claros.

Essa é uma das conclusões do estudo IoT Signals, produzido pela Microsoft. A proposta da pesquisa é fornecer uma visão global do cenário da Internet das Coisas por meio das opiniões de mais de 3 mil tomadores de decisões das empresas. Mais do que isso, o objetivo é produzir uma visão atual do mercado de TI nessa área, incluindo taxas de adoção, tendências de tecnologias relacionadas, desafios e benefícios da IoT.

LEIA MAIS SOBRE INTERNET DAS COISAS NA CM

“A IoT está transformando empresas em todos os setores e impulsionando inovações revolucionárias”, disse Sam George, diretor de Azure IoT. “Nossa pesquisa mostra que liberar todo o potencial da IoT exige que o setor lide com os principais desafios, como escassez de habilidades, preocupações com segurança e complexidade da solução. A Microsoft está liderando o caminho para simplificar e proteger a IoT, para que todos as empresas no planeta possam se beneficiar.”

De acordo com os estudos Global DataSphere IoT Devices e Data Forecast, projeta-se a existência de 41,6 bilhões de dispositivos de IoT conectados até 2025, crescendo a uma taxa de 8,9% durante o período da previsão.

Rápida adoção

Embora o estudo aponte que alguns projetos de IoT ainda não andam bem, um outro número do levantamento mostra que tem crescido a adoção da tecnologia.

De acordo com o estudo da Microsoft, a adoção de IoT está crescendo rapidamente, e os entrevistados acreditam que 30% da receita de sua empresa daqui a dois anos virá graças à IoT.

No entanto, o setor enfrenta uma lacuna significativa de habilidades em IoT, além de desafios de complexidade e segurança que podem comprometer os benefícios de negócios se não forem abordados.

Veja outros resultados da pesquisa:

– 85% dos entrevistados estão em processo de adoção de IoT e três quartos deles têm projetos de IoT no planejamento.

– Entre os que adotam a IoT, 88% acreditam que a IoT é fundamental para o sucesso do negócio.

– Os que já adotaram IoT acreditam que verão um retorno do investimento (ROI) de 30%, incluindo economias e eficiência, daqui a dois anos.

– Quase todos os que adotam IoT (97%) têm preocupações de segurança ao implementá-la, mas isso não impede a adoção.

– 38% dos que adotaram a IoT citam a complexidade e os desafios técnicos de usar a tecnologia como uma barreira para promover sua adoção.

– A falta de talentos e treinamento apresenta desafios para metade dos que adotaram a IoT, e 47% dizem que não há profissionais qualificados suficientes disponíveis.

– Os entrevistados acreditam que os mobilizadores fundamentais de tecnologia para o sucesso da IoT nos próximos dois anos são Inteligência Artificial, computação de fronteira e 5G.

Confira a edição online da Revista Consumidor Moderno! 

VEJA TAMBÉM
Bradesco e Porto Digital, no Recife, criam ecossistema de quase 600 startups