Depois dos sistemas operacionais Android e iOS, vem aí o Harmony OS

A Huawei anunciou o seu sistema operacional em um evento para desenvolvedores. Seria esse o mais novo episódio da guerra comercial entre China e EUA?

Por: - 3 meses atrás

huawei Crédito: Huawei/ Twitter

Mais cedo, a Huawei apresentou o Harmony OS, o seu próprio sistema operacional e que entrará no mercado para competir com os conhecidos Android, do Google, e iOS, da Apple. O anúncio foi feito em uma conferência para desenvolvedores da empresa.

Até o momento, não há muitas informações sobre a data de lançamento do Harmony OS. Oficialmente, sabe-se que a tecnologia é open source, o que permite a inclusão do sistema operacional em smartphones de outras marcas.

Guerra comercial

No evento, o Harmony OS foi apresentado como “completamente diferente” dos demais sistemas operacionais disponíveis do mercado. A imprensa americana e asiática vinha informando que a Huawei trabalhava em um sistema operacional próprio desde 2012. Este ano, essas especulações aumentaram após o aumento da tensão entre EUA e China, que vivem em meio a uma guerra comercial (LEIA MAIS sobre o assunto). E um dos motivos seria a própria Huawei, que foi incluída em uma lista de produtos e serviços proibidos nos EUA. A principal acusação é que os produtos da empresa chinesa violam diversos dados dos usuários – uma alegação, inclusive, também feita por chineses às companhias americanas.