Mutant adquire Interaxa e expande atuação na América Latina

O anúncio da compra da Interaxa pela Mutant traz benefícios para ambas as empresas e para o mercado. Entenda o impacto

Por: - 1 mês atrás

mutant

Especialista em Customer Experience em plataformas digitais e responsável pelas interações entre marcas e clientes em múltiplos pontos de contato, a Mutant traz agora boas notícias para o mercado. Com objetivo de agregar novas soluções ao portfólio, a empresa anunciou a compra da argentina Interaxa – um dos maiores players da América Latina como integrador global de soluções e tecnologias de atendimento.

Com esta recente aquisição, a Mutant aponta faturamento previsto de 600 milhões de reais neste ano. “Naturalmente, oferecer soluções inovadoras para os clientes faz parte da nossa estratégia e fazemos isso de uma maneira muito singular, com objetivo de gerar valor de maneira ainda mais ampla”, afirma Alexandre Bichir, CEO da Mutant.

De acordo com o executivo, a decisão de adquirir uma empresa passa por uma análise que inclui um profundo entendimento cultural das empresas adquiridas e de como elas podem fortalecer o ímpeto da Mutant de mudar o mundo para melhor, promovendo ganhos sociais e econômicos para todos envolvidos. Essa é a quinta aquisição nos últimos três anos e a segunda realizada nos últimos 11 meses. De acordo com Bichir, a estratégia tem sido bem-sucedida.

LEIA TAMBÉM

O destino importa mais do que a jornada?

Com 15 anos de existência, a Interaxa é focada em vendas e fidelização, por meio de soluções de Roteamento, Otimização de Recursos e Social Media. Um dos diferenciais da companhia é o serviço de WhatsApp Business: ela foi escolhida para liderar o lançamento da plataforma no Brasil e na América Latina.

Essa é uma perspectiva promissora, visto que o aplicativo de troca de mensagens já tem 5 milhões de instituições cadastradas e é utilizado por 1,5 bilhão de usuários em todo mundo – o Brasil é o segundo maior mercado, ficando atrás apenas da Índia.

“A aquisição é uma ótima notícia para nossos clientes, pois agora expandimos sensivelmente as ofertas que podemos entregar”, diz Caio Sérgio, diretor-geral Interaxa Brasil. “As sinergias mapeadas endossam isso, indiscutivelmente”.

O que a compra representa para a Mutant

A empresa especialista em Customer Experience possui, hoje, 200 clientes em seu portfólio – entre eles as maiores empresas de telecom, varejo e bancos do país. Além disso, está presente no Brasil, em Portugal e nos Estados Unidos.

Com a aquisição, a Mutant passa a atuar em mais cinco países – Argentina, Colômbia, Uruguai, Paraguai e Chile – e fortalece as atuais cinco verticais de negócio – Consultoria, Digital, Processos & Performance, Qualidade & Insights e Desenvolvimento de Softwares.

A aquisição ocorre logo após a conclusão da captação de US$ 165 milhões em conjunto entre a Permira – private equity britânico, que possui 33 bilhões de dólares investidos em mais de 20 países, o Canada Pension Plan Investiment Board (CPPIB) e Adams Street – empresa com 40 anos de experiência em investimentos dessa natureza.

Em 2018, a Mutant adquiriu também a Dextra e, até o fim do ano, prevê finalizar mais duas compras, com foco em frentes principais de crescimento estratégico.

Segundo Bichir, a empresa tem um crescimento orgânico bem claro e definido, realizando cross sell e up sell dentro da carteira de clientes e uma frente de aquisições agressiva e “always on”. Ou seja, o processo de M&A acontece continuamente e há uma grande possibilidade de haver novas aquisições até o final do ano.


+ NOTÍCIAS

Procura-se: conheça as profissões digitais mais buscadas pelas empresas
Como uma vendedora ensinou o CEO da Pernambucanas a repensar processos
WhatsApp: o que a sua empresa ainda precisa saber sobre esse canal?
Como a Riot faz com que jogadores de LoL se sintam no game quando precisam de suporte