Nestlé assume compromisso com emissão zero de gases de efeito estufa até 2050

Medida da companhia adota o objetivo mais ambicioso do Acordo de Paris, de limitar o aumento da temperatura global em 1,5°C

Crédito: Shutterstock

A Nestlé anunciou, na última sexta-feira (14), o compromisso de reduzir a zero sua emissão de gases de efeito estufa até 2050. A companhia adotou o objetivo mais ambicioso do Acordo de Paris, de limitar o aumento da temperatura global em 1,5°C.
A partir do anúncio, a empresa vai assinar o compromisso “Ambição das Empresas pela meta de 1,5°C”. Com o comprometimento, a multinacional acelera seus esforços relacionados às mudanças climáticas.
De acordo com Mark Schneider, CEO da Nestlé, a companhia está determinada a desempenhar um papel de liderança no combate às mudanças climáticas e, nos próximos dois anos, estabelecerá um plano com prazos, incluindo objetivos consistentes com a meta de 1,5°C.
“A mudança climática é uma das maiores ameaças que enfrentamos como sociedade. É também um dos maiores riscos para o futuro de nossos negócios. Nosso tempo para evitar os piores efeitos do aquecimento global está acabando. É por isso que estamos estabelecendo uma ambição mais ousada de alcançar um futuro com emissão zero. Implantando os recursos globais e o know-how industrial da Nestlé. Sabemos que podemos fazer uma diferença muito significativa”, comenta.

Medidas

Para alcançar sua ambição para 2050, algumas das ações específicas da companhia incluem a aceleração da transformação de seus produtos de acordo com as tendências e escolhas do consumidor.
Para isso, a companhia pretende lançar mais produtos com melhor pegada ambiental e que contribuam para uma dieta equilibrada, o que inclui mais opções de alimentos e bebidas à base de vegetais.
Outra iniciativa é ampliar projetos na agricultura para absorver mais carbono, como programas com agricultores para recuperar a terra e limitar as emissões de gases de efeito estufa.
Além disso, o uso de energia elétrica 100% renovável nas fábricas, armazéns, logística e escritórios da Nestlé também é uma das mudanças em prol do desenvolvimento e manutenção sustentável da empresa.
“Estamos transformando nossas operações para alinharmos os objetivos com a meta de 1,5°C e levar a uma grande mudança na maneira como nossos ingredientes são produzidos e adquiridos. Nossos fornecedores precisarão embarcar nessa jornada conosco. A tarefa é enorme, mas estamos determinados a fazer com que isso se realize”, afirmou Magdi Batato, vice-presidente Executivo e chefe de Operações da Nestlé, em comunicado.


LEIA MAIS

Nestlé inaugura centro de pesquisa para produção de embalagens 100% sustentáveis
Nestlé cria chocolate feito 100% com a fruta do cacau






ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS