ClickTube: plataforma de vídeo reúne canais produzidos por artistas, jornalistas e personalidades

Experiência pioneira completa um mês na web e quer trazer acesso à informação relevante e fazer frente às fake news

Crédito: Divulgação ClickTube

ClickTube, plataforma de vídeo que reúne em um único lugar canais produzidos de maneira independente, completou um mês e já acumulou 300 mil acessos. A proposta é oferecer conteúdo certificado e relevante ao público, permitindo que o mercado publicitário tenha segurança para investir no digital.
Os  clickTubers, como estão sendo chamados os associados da plataforma, são personalidades já conhecidas na internet, na sua maioria artistas e jornalistas que fazem ou já fizeram sucesso na mídia tradicional.
É o caso da repórter e apresentadora Luciana Ávila, que criou o canal “Lu de moto” onde viaja o Brasil descobrindo trilhas de motos e histórias de pessoas apaixonadas pelo tema.
A ex-apresentadora de esporte da Globo Cris Dias também está no portal com o web projeto “Dias de Cris“. Com quase 500 mil seguidores nas redes sociais, ela considera a migração de conteúdo da TV para a internet um momento de independência.
Para Oswaldo Braz, empresário e um dos idealizadores do projeto, a plataforma é uma oportunidade das empresas associarem suas marcas a um conteúdo certificado pela autoridade de profissionais da grande mídia. “Nós queremos atrair uma audiência que se identifica e conhece a qualidade desses profissionais”, afirma.
O projeto também integrou-se ao Out Of Home (OOH), um grupo que atua em ambientes como aeroportos, terminais urbanos, rodoviárias, supermercados, farmácias e lojas de conveniência. Nesses terminais circulam aproximadamente 56 milhões de passageiros por mês e quem acessar o sistema de Wi-Fi grátis será levado automaticamente para a página do ClickTube.
A plataforma conta com mais de 50 canais e está no ar desde o dia 26 de agosto.


+ PLATAFORMAS DE VÍDEO

IGTV x YouTube: quem vence?

Influência positiva: o papel no YouTuber no engajamento da marca

Investidores de olho em um novo negócio: a compra de canais no YouTube





Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS