Estudo mostra Coca-Cola como a marca mais lembrada no Rock in Rio 2019

Para 73% dos entrevistados a Coca-Cola aparece como a marca com mais visibilidade no evento em 2019. Itaú está em segundo lugar

Conhecido como o maior festival de música brasileiro, o Rock in Rio agita o país inteiro. Diante de tamanha grandeza muitas empresas investem no evento para divulgar suas marcas e conquistar os clientes. Agora, um estudo da Toluna aponta que a Coca-Cola é a marca patrocinadora mais lembrada pelos que visitantes do festival.
A pesquisa foi realizada com 1003 pessoas no Brasil entre os dias 23 e 26 de setembro. O resultado mostra que 73% dos entrevistados associam a empresa como a mais marcante do evento.
Em seguida aparecem a Heineken, 50%, o Itaú (que é patrocinador master) com 46%, o Doritos, com 39% e o Ipiranga, com 27%.
No entanto, os dados ainda mostram que 40% das pessoas citaram o banco Bradesco, que não faz parte do ramo de patrocinadores do Rock in Rio.

Como as pessoas assistem o Rock in Rio ?

Rock in RIo
As pesquisa também questionou como o público que se identifica com o evento assistiria ao mesmo. De acordo com a pesquisa, 9% não acompanharão a edição de 2019 do festival, enquanto 47% assistirão pela televisão fechada, 38% pelas redes sociais e 37% na TV aberta.
Em sua oitava edição, mais de 30 marcas contribuíram como patrocinadoras e apoiadoras do Rock in Rio. Composto por 7 dias de uma programação repleta de shows, estima-se que cerca de  750 mil pessoas passem pela “Cidade do Rock”.

Confira a pesquisa completa aqui.

Economia carioca

  Aguardado por muitos, o  Rock in Rio deve gerar um impacto de R$ 1,7 bilhão na economia da capital carioca.
Este ano o evento trouxe artistas como Bon Jovi, Iron Maiden, Drake, Foo Fighters, Anita, P!nk e Sepultura para sete dias de música no Rio de Janeiro.


LEIA MAIS 

Doritos abraça diversidade e acessibilidade no Rock in Rio 2019

Itaú e Rock in Rio trazem de volta o chatbot ao Facebook do festival

Os números do Rock in Rio: festival movimenta R$ 1,7 bi


MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS