13 iniciativas de grandes empresas na luta contra o uso de plástico

Veja os motivos que têm levado, cada dia mais, grandes corporações a firmarem compromissos com a causa e as consequências do uso indiscriminado de plástico no meio ambiente

Por: - 1 mês atrás

Crédito: Shutterstock

Constantemente são anunciados novos dados e pesquisas a respeito dos problemas relacionados ao descarte de lixo plástico no meio ambiente. Diante da questão, consumidores e investidores têm pressionado as grandes empresas a firmarem compromissos que visam reduzir e reutilizar o material.

Como consequência, nos últimos 12 meses, houve um aumento substancial nas ações promovidas por companhias do mundo inteiro para amenizar os impactos causados pelo uso indiscriminado de plástico em suas produções.

Para se ter ideia, uma pesquisa realizada pela Gfk, empresa alemã de estudos de mercado, revelou que 76% dos consumidores esperam que as marcas sejam comprometidas ecologicamente. Além disso, 28% dos cidadãos globais exigem que as empresas tenham obrigações morais de respeitar o meio ambiente.

76% dos consumidores esperam que as marcas sejam comprometidas ecologicamente

O posicionamento da população contra o uso de produtos plásticos descartáveis e o comprometimento com estilos de vida mais sustentáveis dificulta qualquer negócio a ignorar esse protesto público.

Entretanto, a pressão para que as grandes empresas firmem compromissos não provém apenas dos consumidores. Um setor muito importante do mundo corporativo tem apoiado a causa: os investidores.

A As You Sow, organização sem fins lucrativos que visa promover a responsabilidade corporativa ambiental, organizou uma coalizão internacional de investidores para envolver empresas de bem de consumo e capital aberto na ameaça representada pela poluição de resíduos plásticos.

A instituição reuniu 25 investidores internacionais de quatro países, que juntos somam US$ 1 trilhão em ativos sob gestão, para assinarem uma declaração sobre a poluição plástica como um risco corporativo claro da marca, onde se comprometem a interagir com grandes empresas para encontrar soluções para o problema. Inicialmente, quatro companhias embarcaram juntas nessa tentativa: Nestlé, Procter & Gamble, PepsiCo e Unilever.



A Consumidor Moderno, através da sua editoria de Consumo Consciente, monitora diariamente as relações de consumo voltadas para o meio ambiente.

Por isso, fizemos um ‘resumão’ das 13 principais iniciativas anunciadas por grandes empresas, em 2019, na luta mundial contra o uso do plástico:

*Clique nos links para conferir as matérias completas.

1) Dove

A empresa divulgou que até o final do ano vai começar a vender seus produtos em recipientes feitos em plástico 100% reciclado. Também planeja começar a testar embalagens de desodorante feitas com aço inoxidável que podem ser reutilizadas até 100 vezes através da compra de um refil.

A iniciativa vai gerar um impacto continuo no meio ambiente, reduzindo o uso de plástico virgem em mais de 20.500 toneladas por ano.

Dove


2) Unilever

A multinacional, dona de mais de 20 marcas, incluindo a Dove citada a cima, se comprometeu a reduzir pela metade o uso de plástico em suas embalagens até 2050. A empresa pretende remover mais de 100 mil toneladas de embalagens plásticas, priorizando recipientes multiuso com formatos reutilizáveis e recicláveis.


3) Braskem

A Braskem desenvolveu uma microfibra feita a partir de copos descartáveis para aplicação da indústria têxtil na fabricação de embalagens e tecidos. A iniciativa tem um índice de impacto ambiental 45% menor do que em outras alternativas mais utilizadas em tecidos sintéticos.


4) Nestlé

A Nestlé inaugurou, em setembro,  o Instituto de Ciências da Embalagem, o primeiro voltado à produção de embalagens 100% recicláveis e sustentáveis na indústria alimentícia. O novo projeto permite à companhia acelerar seus esforços para trazer ao mercado soluções funcionais, seguras e ecologicamente corretas para enfrentar o desafio global dos resíduos das embalagens plásticas.

A iniciativa promete ser um passo da companhia em prol do compromisso de tornar 100% de suas embalagens recicláveis ou reutilizáveis até 2025.


5) Coca-Cola

A empresa começou a produzir garrafas PET feitas com plásticos retirados do oceano para embalar alimentos e bebidas. As garrafas são produzidas através de uma tecnologia que quebra os componentes do material e elimina as impurezas, para que possa ser utilizada como nova. Reduzir a quantidade de PET virgem necessária para a fabricação dessas embalagens diminuiu a queima de combustíveis fósseis, já que 25% vem do plástico marinho reciclado.


6) Lego

A Lego anunciou um projeto piloto nos EUA onde os clientes podem enviar gratuitamente suas peças velhas e sem uso para que sejam limpas e reembaladas para serem doadas para instituições sem fins lucrativos do país. A expectativa é de que o processo economize 80% dos recursos necessários para criar novos tijolos de brinquedo.


7) Tramontina

A marca em parceria com a Braskem colocou no mercado esse ano suas primeiras cadeiras feitas de plástico reciclado. A Tramontina espera que inicialmente sejam recicladas 600 toneladas de plástico por ano para a confecção do novo produto.


8) All Star

A coleção Converse Renew veio ao mercado com três versões ecologicamente corretas com tênis feitos de material reciclado. Os  novos modelos da coleção são produzidos com resíduos pós-consumo e pós-industriais. A linha Renew Canvas, por exemplo, reaproveita garrafas plásticas e é feita a partir de poliéster 100% reciclado.


9) Mc Donalds

A rede de fast food baniu o uso de canudinhos plásticos na Irlanda e no Reino Unido. A mudança afeta, no total, 1.361 lojas e os impactos para o meio ambiente são igualmente grandes, já que quase dois milhões de canudos são usados por dia apenas no Reino Unido.


10) Corona

Embora não tenha começado a comercializar o produto, a Corona criou uma embalagem encaixável que elimina o uso de anéis de plástico nas embalagens de bebida. A invenção foi selecionada para a final do Cannes Innovation Lions 2019 na categoria marketing.


11) The Body Shop

The Body Shop se uniu a uma comunidade produtora de plástico reciclado na Índia e lançou uma linha de embalagens feitas com o material. O projeto tem como objetivo tornar os recipientes da marca mais sustentáveis. A expectativa da empresa é que até 2030 todos os produtos tenham embalagens feitas de plástico reutilizado.


12) Budweiser

A marca de cerveja Budweiser inaugurou um campo de futebol feito com copos de plástico reciclados na cidade de Sochi, na Rússia. A cerveja, patrocinadora oficial da Copa do Mundo de 2018, criou a instalação esportiva batizada de Budweiser ReCup Arena em branco e vermelho, cores originais da marca.


13) Adidas

A Adidas prometeu fabricar 11 milhões de pares feitos com plástico reciclado retirado do mar em 2019. A iniciativa foi resultado da parceria com a organização ambiental e rede de colaboração global Parley for the Oceans, que retira resíduos em praias antes que cheguem aos oceanos.


+ CONSUMO CONSCIENTE

O Boticário investe em nova fachada e incentiva a reciclagem

Pesquisadores criam plástico biodegradável feito de mandioca

Sustentabilidade é a terceira principal preocupação do consumidor, diz estudo