Adobe divulga app para câmera com efeitos de realidade aumentada

Composto por inteligência artificial, o aplicativo promete ter a “mágica do Photoshop” na câmera de qualquer Smartphone

A Adobe acaba de anunciar uma novidade para o mercado digital. Trata-se do Photoshop Câmera, um aplicativo gratuito para dispositivos móveis que possui filtros em tempo real e é comandado por inteligência artificial.
A plataforma tem algumas funções parecidas com os Stories do Instagram e do Facebook, com opções de edições automáticas ou personalizadas.
“Imagine se a mágica do Photoshop estivesse dentro da sua câmera. Com o Photoshop Câmera, é isso que acontece. É um novo aplicativo que entende as melhores lentes e efeitos para suas fotos — antes mesmo de tirar a foto”, diz a descrição do app.

Uma nova era para as selfies

Os efeitos de fotos que usam realidade aumentada para os dispositivos móveis se tornaram grande tendência entre os usuários nos últimos anos. O movimento ganhou força com o Snapchat, em 2011.
O aplicativo chegou a ser um dos mais utilizados quando chegou ao mercado, seu sucesso foi tanto que o Facebook quis compra-lo por R$ 3 bilhões de dólares, em meados de 2013. No entanto, Evan Spiegel, CEO da empresa, negou a proposta de Mark Zuckerberg .
Diante disso, o Facebook que já havia comprado o Instagram, adquiriu o Whatsapp em 2014 e inseriu o recurso de Stories em ambas ferramentas, fazendo com que o Snap começasse a perder aceleradamente uma sequência de usuários.
Já o Photoshop Câmera é personalizado pela Adobe Sensei, a plataforma de inteligência artificial da multinacional, famosa por seus tradicionais programas de edição para computadores.
O lançamento da ferramenta ainda não foi divulgado, mas a previsão é que seja em meados de 2020. No momento ele está sendo disponibilizado para alguns usuários específicos como parte do período de teste. Os interessados em participar da seleção podem acessar este link.


E como a realidade aumentada tem sido usada pelas empresas? Veja algumas novidades:

Remini

Remini
O aplicativo chinês usa inteligência artificial e reconhecimento facial para recuperar fotos antigas. Foi lançado no início de 2019 e, até o momento, mais de 10 milhões de imagens já foram restauradas com o seu auxílio. Mais do que apenas divertido, tem sido útil para que muitas memórias de família possam ser restauradas. É capaz de trabalhar tanto com fotos analógicas escaneadas, quanto com fotos de câmeras digitais antigas, cuja resolução já não é mais compatível com as configurações de tela atuais.

Google Maps 


Recentemente a gigante de tecnologia anunciou o Live View. A nova funcionalidade do maps foi desenvolvida através de realidade aumentada. Além de checar o caminho com setas e direções que aparecerão abaixo da tela, o usuário também pode visualizar as ruas, monumentos históricos e outros pontos turísticos em tempo real. O aplicativo também  permite armazenar e soltar alertas de todas as suas reservas e voos e que as  informações sejam acessadas a qualquer momento – mesmo em modo offline. Os primeiro testes já foram realizados, mas a atualização ainda não está disponível. Seu lançamento deve ocorrer no próximo verão.

Snapchat


Apesar de sua queda, o Snapchat chegue firme e ativo. Inclusive, um dos fatores que fez com que a rede social voltasse a ter notoriedade foi o lançamento de seu filtro “baby” para deixar os usuários com cara de criança. Além de seus tradicionais filtros divertidos,  recentemente o aplicativo divulgou um novo recurso onde o próprio usuário pode desenhar os efeitos da tela. Com ele é possível criar ações 3D em realidade aumentada. A novidade é semelhante ao tradicional Paint do Windows. A opção está disponível somente para usuários de iPhone com o iOS 8 ou versão superior. Segundo a empresa, a opção deve integrar o sistema Android nos próximos meses.


LEIA MAIS 

Inteligência Artificial pode determinar se o crush vai dar certo

Facebook lança serviço de streaming com realidade aumentada

Google Maps ganha atualização com realidade aumentada


 

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Vídeos

VEJA MAIS

Revista Consumidor Moderno

VEJA MAIS