O lucro extraordinário da Black Friday chinesa

Gigantes do e-commerce chinês, Alibaba e JD.com, faturaram juntas quase US$ 70 bilhões em 24 horas. Valor é maior que o PIB anual de países como o Uruguai

Crédito: Unsplash

68 segundos. Esse foi o tempo que os chineses precisaram para gastar US$ 1 bilhão na Black Friday Chinesa. Pouco mais de uma hora depois esse número já havia se transformado em US$ 14,3 bilhões.

Na verdade, em terras orientais, a data não se chama Black Friday e sim Dia dos Solteiros. Criada em 1993 por um grupo de estudantes da Universidade de Nanquim, a comemoração funciona como uma alternativa ao Dia dos Namorados.

Com data fixa, o evento acontece todo 11 de novembro (11/11) e por isso também é chamado de Double Eleven. Para os chineses o numero 1 representa uma pessoa sozinha.

Contudo, a moda se espalhou rapidamente e foi ganhando outros significados, incluindo o comercial. O varejo chinês, principalmente o e-commerce, através do grupo Alibaba, que tem o domínio de sites como o AliExpress, viu nisso uma oportunidade de impulsionar as vendas e transformar a data em uma ferramenta de marketing.

A ferramenta virou um sucesso. Só nesse ano, as gigantes de comércio eletrônico Alibaba e JD.com faturaram juntas quase US$ 70 bilhões em 24 horas. Isso representa quase duas vezes mais o valor que os shoppings brasileiros movimentaram no ano de 2018, ou ainda, o que as vendas anuais de e-commerce, Natal e Black Friday faturaram no Brasil:

Só para efeito de comparação, o número também foi maior do que o PIB anual de 2018 de 130 países no globo:

Com uma população online de mais de 800 milhões de usuários na web, o comércio eletrônico na China cresce rapidamente devido aos esforços do governo para promover o uso da internet e a falta de redes varejistas tradicionais. O Double Eleven é uma data em potencial e está atingindo outros países asiáticos e ocidentais também.

No Brasil, nas primeiras 38 horas de promoção (da meia-noite de domingo 10 até 14h desta segunda-feira), foram constatados pela AliExpress 335 mil pedidos, aproximadamente 150 por minuto.

Além do site chinês, outras empresas do e-commerce brasileiro entraram na disputa pelas vendas do Double Eleven este ano.

Americanas.com, através do Americanas Mundo, ofereceu descontos progressivos, em produtos importados da China e EUA, com cupons de R$ 10 para compras acima de R$ 100, R$ 20 para valores acima de R$ 200, e R$ 50 para quem gastasse mais de R$ 500.

A Kabum, por sua vez, deu 11% de desconto para quem usasse o código 11DO11. A promoção foi válida para smartphones, periféricos e outros eletrônicos. Trata-se da Single Player, que você pode acessar a partir da página inicial da loja.


MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Vídeos

VEJA MAIS

Revista Consumidor Moderno

VEJA MAIS