Você tomaria um vinho envelhecido no espaço?

Startup francesa enviou garrafas para a órbita da Terra para entender como a ausência de gravidade afetaria a bebida

Foto unsplash

Parece coisa de filme de ficção científica, mas é verdade. Uma empresa francesa chamada Space Cargo Unlimited enviou para o espaço – mais precisamente para a Estação Espacial Internacional – um lote com 12 garrafas de vinho bordeaux para descobrir como elas envelhecem estando fora da gravidade terrestre.
A viagem aconteceu no começo de novembro, segundo informações de agências internacionais, e foi autorizada pela Nasa, que assinou embaixo dos fins científicos que as amostras terão no laboratório.
O lote ficará 12 meses no espaço e será comparado, posteriormente, com um outro da mesma uva para ser envelhecido de forma convencional.
Vale lembrar que o consumo de bebida alcoólica pelos astronautas é estritamente proibido – não só para norte-americanos como para os russos, que também dividem a estação espacial.

Foto Unsplash


De acordo com informações da Globo Rural, essas são as primeiras garrafas de vinho da história a serem mandadas para a galáxia. Os resultados deste curioso experimento merecem vir à público quando a bebida retornar à Terra.
Enquanto ainda não é possível beber vinhos envelhecidos desta forma, aqui vai uma lista de cinco lugares na cidade de São Paulo onde a bebida é a estrela do menu. Acompanhe:

Ovo e Uva restaurante e empório
Bem conhecido pela vasta seleção de garrafas disponíveis (mais de 220 rótulos diferentes) e a combinação com comida boa. O local também é um empório, então quem gostar da bebida pode levar um exemplar para casa ali mesmo na hora.

Endereço: Rua Mateus Grou, 286 | Pinheiros.


Rubi Wine Bar
Localizada bem no meio dos Jardins, a casa tem vinhos de diversos países do mundo para serem provados em taças. Espumantes também estão no menu. O ambiente informal é reforçado pelas opções de entrada perfeitas para provar com a bebida, como os queijos, por exemplo.

Endereço: Alameda Jaú, 1595 | Jardins


O Escandinavo
O restaurante focado em comida nórdica (Noruega, Suécia e Dinamarca) tem um vinho no cardápio que merece ser provado. Trata-se do Odfjell Armador, bebida orgânica produzida no Chile, mas de DNA norueguês. Ele é o único do menu e pode ser escolhido tinto ou branco. Uma experiência que vale a pena pela qualidade da marca – acompanhada, claro, pela deliciosa comida.

Endereço: Rua Dep. Lacerda Franco, 141 | Pinheiros


LIBAR
O bar fica localizado dentro do Ciclo das Vinhas, escola de vinhos da expert no assunto Alexandra Corvo – que também é colunista da BandNews FM para o assunto. Um passeio pelo lugar pode render não apenas uma taça de vinho diferente para o seu repertório como a inscrição em um dos cursos ou até mesmo um livro novo na estante, já que na casa também funciona uma pequena livraria.

Endereço: Rua Artur de Azevedo, 502 | Pinheiros.


BARDEGA
Um dos locais mais tradicionais da cidade quando o assunto é winebar. São mais de 90 opções de rótulos para se beber em taça – divididas em tamanhos que variam entre 30, 60 ou 120 mililitros – e menu de comida com opções de frutos do mar. Ou seja, uma combinação infalível para o paladar.

Endereço: Rua Doutor Alceu de Campos Rodrigues, 218 | Itaim Bibi.


+ NOTÍCIAS

Consumo de rosé cresce entre brasileiros
O vinho é cheio de segredos. Será por isso que os millennials gostam tanto dessa bebida?
Sustentabilidade espacial! Plástico será reciclado no espaço por máquina inovadora

Tags:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Quanto custa abrir uma franquia de varejo no Brasil?

Home office é tendência de trabalho para 2020: veja 5 dicas

“Parasita”: Pessoas, baratas, parasitas e a diluição da identidade

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

Quais são as tendências para 2020. Veja a lista

VEJA MAIS