Qual a relação entre o DNA e o desempenho de uma empresa?

Uma solução desenvolvida pela Meeta Solutions faz referência ao DNA. Mas o que é, afinal, o código genético de uma organização?

A unicidade dos seres vivos, apesar de suas semelhanças, é algo inquestionável. Não há um indivíduo igual ao outro. A impressão digital não nos deixa mentir sobre isso: mesmo gêmeos univitelinos têm digitais diferentes. Ao mesmo tempo, o ácido desoxirribonucleico (DNA) permite identificar um indivíduo e compreender características genéticas, conhecendo o passado e inclusive identificando tendências.
Será que isso se aplica às empresas? Sabemos que, por mais que algumas delas tenham clientes em comum, valores parecidos que curem dores semelhantes vividas pelos consumidores, há sempre alguns pontos que as tornam diferentes umas das outras. Ao que tudo indica, o mesmo vale para a identificação de tendências.
DNA
Esse raciocínio levou a Meeta Solutions à criação da solução DNA. Nesse caso, a sigla significa data and analytics (ou seja, dados e analytics). Eles são a origem de tudo o que uma empresa precisa saber sobre si e a respeito dos clientes e, ao mesmo tempo, ajudam a criar modelos de propensão, da mesma forma como a análise do ácido desoxirribonucleico.
A ferramenta se adapta a todos os modelos de negócios: analisa variados segmentos, ajuda a compreender todo tipo de consumidor, a perceber o que funciona em determinado formato de vendas, a desenvolver campanhas mais assertivas, de acordo com a análise de dados da companhia.
Além disso, a solução traz o diferencial da empresa que a desenvolveu: extrema habilidade em captação e interpretação de dados, gerando valor sobre eles.

Habilidades

Na prática a Solução DNA pode, por exemplo, perceber qual é o melhor momento e canal para realizar um contato com um consumidor inadimplente, diminuindo o ciclo de cobrança de 30 para 3 dias. Consequentemente, o cliente ficará mais satisfeito – afinal, receberá ligações e contatos no momento ideal – e a empresa reduzirá seus custos.
Vinicius Valle, Chief Creative Officer (CCO) da Meeta Solutions, conta que a ideia surgiu a partir da dificuldade das empresas de transformar dados em informação qualificada.
“Antes de desenvolvermos a solução, atuávamos de forma pontual sobre esse problema”, explica. Inicialmente, a solução era aplicada a processos de cobrança. Hoje, já é capaz de otimizar resultados de vendas, atendimento, entre outros.

Colocando em prática

O trabalho da Meeta Solutions começa com um processo de assessment, durante o qual os especialistas da empresa apuram os detalhes do processo empresa-cliente. Depois, os dados são aplicados às interfaces desenvolvidas pela companhia.
O grau de assertividade e os eventuais ajustes são feitos ao longo do tempo, visto que a entrega da Meeta Solutions envolve serviços posteriores à entrega da ferramenta.


LEIA MAIS

Dados precisam resultar em inteligência






ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS