5 Lojas de destaque inauguradas em 2019

Nestlé, Hering, Mobly, Nike e Zaitt abriram lojas que vão além da conveniência e oferecem personalização, tecnologia e sustentabilidade

Foto: Divulgação

Lojas pop-up e espaços que valorizam a experiência do consumidor tiveram destaque no varejo físico em 2019. Grandes marcas encontraram o equilíbrio entre tecnologia e geração de valor para o cliente.

NOVAREJO destaca cinco lojas inauguradas em 2019 que chamaram atenção do mercado. Confira:

Reconhecimento facial na Hering

Em sua loja do Morumbi Shopping, a Hering reúne tecnologias como identificação por radiofrequência (RFID), provador inteligente, reconhecimento facial, click and collect e espaços instagramáveis.

As tecnologias de monitoramento chamam atenção. A loja usa sensores para mapear o movimento e identificar o perfil das pessoas que circulam por lá. Um dashboard exibe um mapa de calor de acordo com o interesse dos clientes por determinadas áreas do estabelecimento.

Saiba mais: Hering captura sentimentos dos consumidores em loja conceito


Zaitt: Compra sem atritos

A Zaitt fez muito barulho ao abrir o primeiro supermercado autônomo de São Paulo. Na loja, os consumidores podem fazer suas compras sem ter contato com atendentes e sem precisar passar por caixas. A loja opera em parceria com o Carrefour.

Para comprar na loja, o consumidor deve ter o aplicativo desenvolvido pela Zaitt, dotado de um sistema de pagamento que proporciona uma experiência sem a necessidade de caixas e filas. É o cliente que guia a sua própria jornada dentro do mercado, adicionando os produtos ao carrinho virtual e realizando a compra – tudo pelo app.

Saiba mais: Zaitt abre primeiro supermercado 100% autônomo em São Paulo


Nike Lab

A Nike abriu em Chicago um espaço que parece ter sido criado dentro de uma caixa de sapatos gigante e tem como objetivo celebrar a ideia de recriação através de sustentabilidade e experiências – dois assuntos que estão em alta nas discussões sobre o futuro das lojas físicas.

Na loja, os consumidores podem ainda levar seus calçados para reformar graças a um estúdio criativo que permite transformar os modelos esportivos. Além disso, os clientes são incentivados a doarem modelos antigos para serem transformados em material reciclável para a iniciativa Nike Grind, que aproveita diversos resíduos, vindos até de aterros sanitários, para produzir vários produtos, de roupas e calçados.

Saiba mais: Nova pop-up store da Nike mostra o futuro do varejo físico


A Mobly do on para o off

Nascida no digital, a Mobly decidiu colocar seus pés no mundo físico. A marca abriu uma megastore em São Paulo. A NOVAREJO visitou o novo espaço e viu ambientes instagramáveis, espaços de coworking e, claro, muitos móveis. A empresa investiu R$6,5 milhões na unidade.

A Mobly quis fazer de sua unidade física uma extensão do e-commerce. Os sofás, guarda-roupas e camas não têm etiquetas com o preço e sim códigos QR que levam à página do produto no site oficial. Cada ambiente decorado conta com um tablet que exibe os detalhes dos produtos dispostos ali.

Saiba mais: Nativa digital, Mobly inaugura megastore em São Paulo


KitKat e o chocolate personalizado

A Nestlé abriu uma unidade do projeto KitKat Chocolatoty, que já estava presente em outros países. Na loja, os consumidores conseguem criar seu próprio chocolate, escolher entre 18 sabores do doce e tomar cafés que harmonizam com os KitKats

Saiba mais: Em nova loja, KitKat permite que consumidores façam seus próprios chocolates


LEIA TAMBÉM: Saiba como serão as lojas do futuro, segundo Nike e Walmart






MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS Prêmio Consumidor Moderno

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS