IKEA: o que a varejista pode nos ensinar sobre tempo e dinheiro?

Rede varejista lançou campanha inovadora em que os clientes podem reverter o tempo gasto para chegar na loja por produtos. Entenda

A IKEA está executando uma campanha que permite que os clientes convertam o seu tempo em dinheiro. Chamada de Buy With Your Time ou Compre com o seu tempo, a promoção tem como objetivo valorizar os consumidores que gastam uma quantidade excessiva de tempo viajando até aos pontos de venda da varejista.

A princípio a promoção está ativa somente na loja de Dubai e ainda não se sabe se o programa será lançado para outros países.

COMO FUNCIONA?

Como as lojas da IKEA geralmente ficam localizadas nos arredores das cidades grandes, a ideia é incentivar que os seus clientes visitem os espaços com mais frequência, independente da distância. Para participar da ação basta mostrar o celular com o trajeto no Google Maps, provando quanto tempo foi gasto viajando até os pontos.

Como parte da ação, a IKEA adicionou uma opção em cada produto com preços personalizados com a “moeda do tempo”. Desta forma os clientes podem somar suas as rotas de acordo com o produto que queiram adquirir. Uma hora de viagem equivale a 105 AED (cerca de US$ 28), com base no salário médio de Dubai.

“Trabalhando nos preços da IKEA em Dubai, isso significa que os compradores que viajam por 49 minutos podem obter uma mesa de café gratuita Lack, enquanto uma viagem mais longa de uma hora e 55 minutos seria o equivalente a uma estante de livros de Billy. Mesmo uma viagem de cinco minutos é boa para um cachorro-quente vegetariano”, informou o Engadget.

A IKEA  é a primeira varejista a trabalhar com a troca de tempo por produtos. A ação simboliza uma mudança significativa na forma como os consumidores compram produtos e na maneira como eles se relacionam com as marcas  – não à toa deve ser seguida como case para outras gigantes do varejo.


Ikea planeja aplicativo para venda online
Amazon anuncia soluções para compras dentro do carro
Compras por voz: a nova fronteira do e-commerce


MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS