Tiktok se consolida como o aplicativo mais popular na pandemia de Covid-19

O aplicativo superou o YouTube em número de downloads: foram 78 milhões só no último mês de abril

A impressão de ter visto quase todo mundo da sua timeline do Instagram repostando vídeos feitos no Tiktok não é algo percebido só por você, acredite. O aplicativo de vídeos chinês fez bateu 78 milhões de dólares de receita apenas no mês de abril, passando na frente do YouTube, segundo informou a revista “Forbes“. Só nos três primeiros meses de 2020, o Tiktok bateu o recorde de downloads para um app nos marketplaces da Apple Store e do Google Play, de acordo com a Sensor Tower, empresa de marketing do Vale do Silício que monitora dados das redes sociais.

Mas foi durante a quarentena que ele caiu de vez nas graças de celebridades de todo o planeta, responsáveis por popularizar o app chinês ainda mais. Divertido e leve na hora de ocupar a memória do celular. Ainda é cedo, no entanto, para saber se essa vitalidade toda irá durar.

A própria revista “Forbes” não arrisca em dizer se o Tiktok se sustentará no gosto dos usuários ou se deve seguir um caminho já trilhado por outros apps como o Vine, por exemplo. Ele teve seus dias de glória no começo da década, principalmente entre o público mais jovem, a chamada GenZ – que é majoritário também no consumo e na produção dos vídeos curtos do Tiktok – e depois perdeu fôlego.

Agora, porém, o Tiktok também se tornou queridinho dos millennials, sendo o aplicativo de não-game mais popular. No Brasil, por exemplo, a rede social se tornou uma das favoritas da cantora Luísa Sonza durante a quarentena. Só no Instagram, ela acumula mais de 14 milhões de seguidores.

Valor em bilhões

Criado pela empresa chinesa ByteDance, o Tiktok acabou fazendo com que a marca se tornasse a startup mais valiosa do mundo. Em 2020, seu valor no mercado chegou a 100 bilhões de dólares, segundo informa a agência de notícias Bloomberg. O número é mesmo impressionante para um produto que surgiu em agosto de 2018.

Os vídeos feitos pelo app têm até 60 segundos e podem ser editados muito facilmente com dublagens divertidas, músicas de fundo, gráficos, filtros e textos. Com um boom de usuários na própria China, é claro, além de Índia e Estados Unidos, o Tiktok também está presente em outro 140 países, inclusive no Brasil. No relatório divulgado pela empresa We Are Social, que monitora o uso de redes sociais, são 800 milhões de perfis ativos no mundo e os 2 bilhões de downloads no total.

A ByteDance, porém, não revela sua porcentagem mensal de crescimento. E ainda pairam sobre ela certas suspeitas sobre o funcionamento do app no que se refere à segurança dos dados de quem usa, bem como o que é feito com a coleta dessas informações. Essa polêmica já fez com que o Exército norte-americano não quisesse que seus integrantes usassem o app e acabassem rastreados por deixarem informações na plataforma. Vale ficar de olho nessa movimentação. E você, já fez a sua conta no Tiktok?

medidas

Como a velocidade na tomada de decisão pode colaborar com a gestão de crise

Após dias de insolamento social, como manter uma boa saúde mental durante o restante da quarentena?

7 formas de mitigar os efeitos da COVID-19, segundo a PwC






ACESSE A EDIÇÃO DESTE MÊS:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS