Você usaria um smartphone que mede a sua temperatura?

Novo gadget deve ser lançado pela marca chinesa Huawei tem tudo para virar o preferido dos consumidores em tempos de Covid-19 mundo afora

Quando a primeira onda de contaminações por causa do novo coronavírus atingiu os Estados Unidos não foram só os rolos de papel higiênico que sumiram das prateleiras. Quando a pandemia chegou de verdade por lá, os termômetros também se tornaram objeto do desejo e sumiram das farmácias. Até porque, saber direitinho a sua temperatura corporal é uma das formas de entender se a pessoa está ou não com um dos principais sintomas do Covid-19.

Pois aparentemente não deve ser mais tão complicado carregar com você um termômetro por todo o tempo. Se depender da Huawei, marca chinesa gigante em tecnologia, será o tempo de consultar o seu próprio aparelho celular para saber o resultado.

Adeus termômetro tradicional?

A novidade foi publicada pelo site “Fast Company”, especializado no assunto. De acordo com a publicação, o novo modelo Honor Play 4 terá um um sensor de temperatura infravermelho dentro de uma das câmeras. Assim, a pessoa poderá segurar o telefone e diante da testa de alguém e verificar se o outro está com febre. Será tão fácil quanto tirar uma foto do seu amigo, por exemplo.

Na China, tal como ocorreu nos Estados Unidos, os termômetros se tornaram tão comuns no dia a dia pós-pandemia que são usados tanto por pessoas, como por entidades governamentais em aeroportos e órgãos públicos. E o aparelho de celular, que já parece ter se tornado uma extensão do nosso corpo ao trazer consigo ferramentas como lanterna, calculadora, previsão do tempo, GPS, entre outros, acaba ganhando mais um item que tem tudo para se tornar essencial por um bom período de tempo.

Não se sabe se aparelho, que deve custar entre 400 e 450 dólares, poderá ser comercializado no Brasil. Nos Estados Unidos, porém, a Huawei ainda não pode entrar. Desde que baniu a empresa chinesa do mercado norte-americano de 5G, o governo de Donald Trump deixou a briga pelo mercado de mobilidade mais restrita à Apple e à Samsung. É esperar para ver se ter um termômetro no bolso para ser usado a qualquer momento se torna algo tão popular quanto está parecendo atualmente.

E você, usaria um celular capaz de medir a sua temperatura?


 + NOTÍCIAS

Os exemplos de gestão pública no enfrentamento ao coronavírus
C&A recruta sellers e expande portfólio de seu marketplace
5 inovações em TI que surgiram em função da COVID-19






MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS Prêmio Consumidor Moderno

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS