Apertem os cintos: Algar Tech promove uma viagem para as tendências para 2021

Painel da Algar Tech na edição do Fórum Consumidor Moderno promete provocar olhar do participante para novas tendências do atendimento no ano que vem

“O mapa das tendências para 2021: o que vai mudar no atendimento ao cliente?”. Este é o tema que a Algar Tech, especialista em processos de negócios, traz para o Fórum Digital Consumidor Moderno do dia 24, em mais uma edição do encontro virtual.

Como separar modismos e consequências de tendências efetivas? Quais comportamentos se tornarão permanentes e quais irão refluir? Insegurança, ansiedade, home office, a busca por estar bem, os cuidados com a saúde…

Raul Kalckmann, executivo da área Comercial da Algar Tech, adiantou parte das pautas que encontraremos nesse painel provocador. Confira.

CONSUMIDOR MODERNO – Segundo dados do IBGE, o número da população ocupada hoje (83,3 milhões de pessoas) chegou ao menor nível desde 2012. Índice que traz insegurança e faz com que o consumidor pense mais antes de adquirir um produto ou serviço. Nesse contexto, como preparar ações de impacto sabendo identificar os investimentos que realmente têm prioridade?

RAUL KALCKMANN – A prioridade é sempre o consumidor e a prioridade de investimento deve ser baseada no que diz o mercado. As empresas precisam olhar para ele, identificar os jobs, as dores e atender com soluções cada vez mais voltadas para a melhor experiência.

CM – Instabilidade, ansiedade e medo do futuro. São três sentimentos agora vivenciados pelo consumidor. Nessa realidade, quais marcas deverão se destacar no mundo do business?

RK – As que se aprofundarem em seu propósito criando valor para seus clientes. No mercado cada vez mais competitivo, a companhia que conseguir criar conexões verdadeiras, entender a jornada e melhorar a experiência nos pontos de contato, com o produto ou serviço e principalmente, no pós-venda, irá se sobressair.

CM – As necessidades, desejos e expectativas dos consumidores mudarão as relações de compra?

RK – Agora o consumidor tem o poder nas mãos com seus dispositivos, e voz para influenciar ou ser influenciado. Por isso, as relações de compra serão cada vez mais frágeis para as marcas que não criarem valor, coerência no discurso e prática… e mais fortes para as que buscarem conhecer seus consumidores, ouvir, entender e atender seus desafios, desejos e sonhos ao adquirir um produto.

CM – A recessão econômica levou as pessoas ao desinteresse por produtos ostensivos, e aumentou a busca pelo consumo de produtos mais simples. Há estratégias capazes de colaborar para que o mercado da sofisticação resista até a melhora da economia, ainda sem data prevista?

RK – Há estratégias facilmente adaptáveis tanto para marcas de produtos simples, quanto as mais sofisticadas. Com soluções digitais que buscam promover experiência fluida e consistente aos clientes com modelos de contratação baseados em entrega de indicadores de resultados, seja de um produto de beleza de baixo custo, a um veículo de luxo.


+ NOTÍCIAS

Customer Success: O programa por trás da alta de 90% no NPS da Algar Tech

Quando tecnologia e humanização caminham juntas para enfrentar uma pandemia

Operação da nova unidade de negócio da Algar Tech começa em agosto


 






ACESSE A EDIÇÃO DESTE MÊS:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS
ANUÁRIO Brasileiro de Relacionamento com Clientes

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS