Alimentos e Bebidas: tendências do setor e como gerar negócios

Tendências ajudam a compreender como engajar mais os consumidores para viabilizar novas estratégias operacionais e de negócios

Foto: Shutterstock

O setor de alimentos e bebidas está sendo profundamente impactado pela pandemia e há mudanças irreversíveis em andamento. Os consumidores estão mais preocupados com a rastreabilidade dos produtos, há uma consciência alimentar crescente, mais ativismo nas mídias sociais e preocupações socioambientais. Por outro lado, o consumo nas residências também aumentou e o comércio eletrônico ajuda a tornar as vendas mais escaláveis.

Refletindo sobre esse cenário, as tendências a seguir ajudam a compreender como as empresas de Alimentos e Bebidas podem engajar mais os consumidores para viabilizarem novas estratégias operacionais e de negócios.

1. Pessoas no centro

Prática do varejo seguro com foco nos colaboradores e clientes; métodos ágeis e equipes para entrega de projetos; capacitação de profissionais com funções e responsabilidades claras e processos de tomada de decisão ágeis.

2. Confiança

Prática do conceito de varejo seguro com produtos mais saudáveis e sustentáveis; maior preocupação com reputação e marca, sustentabilidade (ESG); foco na preservação de caixa e gerenciamento de risco; foco em cumprir o que foi prometido.

3. Experiência do consumidor

Adoção de ferramentas analíticas para entender novos hábitos de consumo; revisão de categorias e portfólio de produtos, com adequação aos novos hábitos; adoção da estratégia clique e retire, fortalecimento e expansão da entrega direta ao consumidor (Direct-To-Consumer (DTC)) e last mile (última milha); implementação de estratégia de preços dinâmica.

4. Cooperação e colaboração

Prática do conceito de varejo seguro; métodos ágeis e equipes para entrega de projetos; conceito de “juntos somos mais fortes”; colaboração com outras empresas para fortalecer o segmento, o mercado e a economia.

5. Cadeia de suprimentos inteligente e resposta rápida

Adoção da estratégia clique e retire, fortalecimento e expansão da entrega direta ao consumidor (Direct-To-Consumer (DTC)) e last mile (última milha); revisão das políticas de estoque; implementação de soluções de rastreamento; desenvolvimento de novos fornecedores e análises para verticalizar operações, foco em aumento de eficiência e eficácia.

6. Plataformas e novos modelos de negócios

Prática do conceito de varejo seguro; implementação de estratégias Direct-To-Consumer (DTC), clique e retire/ e last mile (última milha); ferramentas analíticas para entender hábitos de consumo; maior presença em marketplaces.

7. Utilizar e não apenas reter dados

Adoção de ferramentas analíticas para entender novos hábitos de consumo; implementação de uma estratégia de preços dinâmica; uso de informações pessoais de forma segura e responsável (LGPD); ferramentas e sistemas para ações em tempo real.

8. Intensidade tecnológica

Adoção de ferramentas analíticas para entender novos hábitos de consumo; implementação de estratégia de preços dinâmica; revisão da capacidade tecnológica para operação digitalizada; migração de operações para nuvem; adoção da cibersegurança.

Para além dos impactos da pandemia, os executivos de alimentos e bebidas precisam dedicar especial atenção sobre as estratégias que devem ser executadas e o modelo operacional que deve ser conduzido para que as empresas do setor sejam mais inovadoras, relevantes e assertivas. Certamente, fazendo uma leitura correta do cenário, e investindo em modelos mais ágeis e disruptivos, boas oportunidades serão aproveitadas para o sucesso nos negócios.

* Mauricio Godinho é sócio-diretor líder de Alimentos e Bebidas da KPMG no Brasil


+ Notícias 

Burger King anuncia lançamento de programa de fidelidade 

Saiba quais são os três pilares da transparência na cadeia de suprimentos 






ACESSE A EDIÇÃO DESTE MÊS:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 261: O respeito ao cliente é o caminho para 2021

Anuário: A omnicanalidade em todo lugar

CM 260: Conarec 2020 e sua imersão em experiência em um mundo antinormal

VEJA MAIS