A corrida pela experiência do cliente na pandemia de COVID-19

O consumidor mudou ao longo de 2020 e, por isso, as empresas precisaram mudar suas estratégias. A Voxline deu seu ponto de vista sobre o tema

Quando a COVID-19 chegou ao Brasil, as empresas precisaram realizar com urgência uma verdadeira transformação: a adoção do modelo de home office de forma quase total, ou seja, para praticamente todos os colaboradores. Esse é um dos primeiros pontos destacados por José Antonio Fechio, CEO da Voxline, ao explicar como tudo mudou desde 2020. Apesar de toda essa transformação, ele ressalta que a experiência do cliente foi mantida: a saúde dos colaboradores e a manutenção da qualidade foram prioridades na empresa.

Mas os desafios não param por aí: ele revela que o comportamento do cliente também mudou, afinal, cresceu a demanda por canais digitais. Entenda como foi possível garantir a excelência na experiência do cliente nesse cenário:






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS