A primeira Black Friday do marketplace do PicPay

Com 60 milhões de usuários, app acompanha tendência mundial de aumento do varejo por celular

A primeira Black Friday do marketplace do PicPay

A Black Friday 2021 tem tudo para ser diferente das edições anteriores. O evento chegou ao Brasil em 2010, importado dos Estados Unidos, mas encontra, uma década depois, um país muito mais conectado e um consumidor muito mais apto a aproveitar oportunidades de fazer bons negócios na data em que o varejo oferece os melhores descontos e benefícios.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Pelo menos duas tendências são claras. A pandemia, com as consequentes medidas de isolamento social, levou milhares de novos consumidores para o varejo digital. Parte expressiva desse público irá aderir à Black Friday 2021 realizando compras online, o que deve impulsionar ainda mais essa modalidade frente ao varejo tradicional. Em segundo lugar, o contexto econômico faz com que o brasileiro busque ofertas e vantagens ainda melhores, algumas das quais ele só encontra nos marketplaces (“shoppings virtuais”), que oferecem, por exemplo, mecanismos como o cashback. Por tudo isso, a Black Friday 2021 será muito mais digital.

Leia mais: Cashback ou pontos: qual é a estratégia de fidelização correta?

Pesquisas recentes confirmam essa previsão. O varejo online organizado em marketplaces tem lugar de destaque: segundo um levantamento feito pela agência Conversion, 63% dos consumidores optarão por comprar pela internet na Black Friday deste ano. Destes, um em cada quatro (24%) já sabe que fará isso por meio de aplicativos de celular.

Essa categoria de varejo, que atende pelo nome de mobile commerce ou m-commerce, vem ganhando protagonismo e promete crescer. Segundo a revista Business Insider, as compras pelo celular já correspondem a 45% do mercado de e-commerce americano, o que equivale a US$ 284 bilhões, e os aplicativos têm uma taxa de conversão de clientes 157% superior à dos sites. A razão para a ascensão do m-commerce é simples: ele une as principais preferências do consumidor na hora de comprar, como praticidade, rapidez e segurança.

Fabio Plein é diretor da PicPay Store.

Como diretor da PicPay Store — a loja do PicPay, cujo marketplace que terá sua primeira Black Friday este ano —, tenho testemunhado esse fenômeno em primeira mão. A PicPay Store surgiu como evolução natural para uma empresa em ritmo acelerado de desenvolvimento: o PicPay já conta com 60 milhões de usuários cadastrados, um avanço de mais de 50% só em 2021.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Até setembro de 2021, houve mais de 34 milhões de transações realizadas na Store, crescimento de 122% em relação ao mesmo período em 2020. Mirando um espaço que representa US$ 115 bilhões em e-commerce no Brasil, queremos nos consolidar como um ecossistema completo.

Esse ecossistema se baseia na premissa de oferecer tudo num lugar só: compras de diversas lojas com os menores preços, formas diferenciadas de pagamento e até mesmo funções que lembram uma rede social, uma vez que os usuários podem trocar mensagens com dicas de ofertas e se conectar por meio do aplicativo. O cliente que usar a PicPay Store vai às compras no mesmo app em que está acostumado a movimentar seu dinheiro e fazer pagamentos.

Leia mais: A Black Friday mais omnicanal da história

Além disso, a integração de diversas frentes de negócio no nosso app e o uso da inteligência artificial do PicPay permitem que ele encontre os produtos e serviços que deseja com facilidade.

Nossos usuários, que contam com vantagens e benefícios exclusivos em milhares de produtos e serviços, são três vezes mais engajados do que aqueles que também usam o PicPay, mas não compram na Store. O principal exemplo disso é o cashback, que serve para pagar contas, fazer mais compras ou investir na carteira digital, com rendimento de 120% do CDI.

Ambicionamos que todos os tipos de parceiros façam parte do nosso ecossistema — desde os grandes marketplaces e varejistas até a loja do bairro. Em um mercado tão competitivo como o de e-commerce, queremos que nossos parceiros de negócios possam contar com o PicPay como um canal incremental de vendas e aquisição de novos usuários.

A pandemia acelerou uma tendência de digitalização do varejo que, na verdade, já vinha se consolidando há alguns anos. O processo é irreversível. À medida que mais brasileiros se familiarizam com o comércio online, vão ficando claras algumas das vantagens diretas e indiretas que só os marketplaces conseguem oferecer.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

A Black Friday será mais uma oportunidade de apresentar essas vantagens. Após um ano difícil, marcado pela crise econômica e sanitária, esse evento, marcado para o dia 26 de novembro, é encarado por muitos como o momento certo para conquistar objetivos que ainda não haviam sido possíveis, ou mesmo para adiantar algumas compras de fim de ano. As ferramentas digitais vão ajudar esses milhares de brasileiros a encontrar as melhores ofertas e realizar seus sonhos.

*Fabio Plein é diretor da PicPay Store.


+ Notícias

Vivemos a era do e-commerce? As gerações mais velhas discordam

Transformar o varejo tradicional para o formato phygital é o grande desafio dos varejistas brasileiros

 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS