TikTok Kitchen: como a plataforma chinesa vai revolucionar a experiência phygital no setor de restaurantes

A rede social fornecerá serviço de delivery para receitas famosas em sua plataforma nos Estados Unidos

Foto: Free Pik

Em busca de um sentimento de marca cada vez mais phygital, o TikTok anunciou recentemente que fará parte do ramo de restaurantes e alimentação. E para uma rede social que é mais famosa pelas “trends” e coreografias de dança, em especial para a Geração Z, essa pode parecer uma decisão fora da curva, mas resguarda uma experiência de usuário ainda mais engenhosa.

Para quem é um ávido usuário da rede social, é de se entender que a experiência do TikTok proporciona tudo, menos a parte física do conteúdo oferecido. E, com a entrada do aplicativo no setor de restaurantes, a plataforma de vídeos agora vai em busca justamente desse passo: trazer um de seus pontos altos — as receitas filmadas — para uma experiência dentro de casa.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

TikTok Kitchen e a experiência phygital

Foi a partir daí que os executivos da rede social criaram o TikTok Kitchen: um serviço de delivery online baseado nas receitas mais famosas da plataforma. A diferença é que somente os alimentos com maior poder de viralizar serão trabalhados. Quando o pico de acessos diminuir, a empresa avaliará se retira ou não aquele alimento do cardápio.

Todo o processo funcionará com a Virtual Dining Concepts, empresa norte-americana com experiência em fast food e estratégias de redes sociais. Ao que indica, a plataforma tem como projeto enviar tanto as receitas prontas quanto os ingredientes para realiza-las em casa.

A princípio, essa nova modalidade da plataforma funcionará apenas nos Estados Unidos, com previsão de lançamento de 300 cozinhas no país.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

O fenômeno do TikTok no setor de alimentos e restaurantes

É difícil mensurar o alcance dos vídeos criados no TikTok, mas há uma certeza de que eles impactam diretamente o mercado daquilo de que abordam como conteúdo. Isso ficou muito evidente com o setor alimentício: no início de 2021, nos Estados Unidos, um vídeo que continha uma receita de queijo fetta viralizou. Com milhões de visualizações, o preparo se transformou em uma verdadeira febre que criou uma crise de abastecimento do queijo fetta no país.

E, ainda que esse pareça ser um caso isolado, ele não foi o único. No Brasil, logo no início da pandemia, uma receita de café gelado também bateu recordes de audiência e levou uma série de usuários da plataforma a consumirem a bebida solúvel — o que também revelou um aumento considerável na busca por esse produto.

E não apenas as receitas veem um grande espaço de crescimento, como também os restaurantes. No último ano, o Patties Burguer de São Paulo viu sua receita atingir a atmosfera com o famoso hamburguer inspirado no desenho Bob Esponja — pouco tempo após ser divulgado por influenciadores na plataforma. A audiência foi tanta que o produto esgotou logo nos primeiros dias e a demanda ficou ainda maior.

Ou seja, da mesma forma como as danças coreografadas viralizam, chefs de cozinha também encontraram seu espaço na plataforma. E quando as receitas parecem apetitosas e simples, os usuários se sentem mais impelidos a realizá-las — seja pelo sabor ou pelo sentimento de participar da “trend”.

Com a expansão, é provável que o TikTok Kitchen chegue também a outros países, mas vale a atenção ao mercado brasileiro: as receitas por aqui também têm gerado impacto em alguns alimentos.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente


+ Notícias

Viralizando sua marca: como o TikTok pode melhorar a experiência do cliente?
Marcas no TikTok: como usar a rede social do momento ao seu favor

 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS