Serviços de mensageria se fortalecem como meios de pagamento

Serviços de mensageria estão se tornando um meio de pagamento muito utilizado pelos consumidores, e com grande potencial de investimentos e de entrega de valor em CX para as marcas

Foto: Pexels

Tornar a experiência de pagamento descomplicada, segura e mais ágil é um dos pilares do Customer Experience (CX) quando falamos sobre relações de consumo hoje.

O Pix, talvez seja o exemplo de maior sucesso de pagamentos dentro do conceito de CX. No entanto, novos modelos estão surgindo e trazendo uma evolução ainda maior para a experiência do consumidor com uma marca. O crescimento do PicPay Chat é um deles. O serviço de mensageria dentro do aplicativo do PicPay (Android, iOS) é uma plataforma que já conta com milhares de usuários realizando pagamentos entre sí.

De acordo com dados divulgados em veículos digitais, a companhia informou que entre dezembro de 2021 e março de 2022, a utilização do serviço triplicou.

Para o PicPay, o segredo está na sua “essência social”. Ou seja, é sobre tornar a experiência de pagamento entre pessoas mais prazerosa, facilitando sua vida financeira por meio de um simples aplicativo no smartphone.

Integração entre players é tendência

A exemplo do PicPay, é possível apontar que muitas marcas migraram para o modelo de pagamento por mensageria em breve. Duas tendências podem ser destacadas neste movimento: a facilidade de uso e o conceito de comunidade.

De olho nessa última, a PicPay já noticiou que se prepara para abrir o serviço para parceiros por meio de APIs. Com isso, as marcas terão um amplo cenário para se comunicarem diretamente com o consumidor e construir sua comunidade ao redor do serviço. Certamente o pequeno varejo se beneficiará deste movimento, já que um dos atrativos do PicPay, será a justamente a possibilidade da criação de grupos de usuários (que deve ser lançado em breve pela companhia).

Mas porque isso é importante para as marcas? É importante pelo fato de que os grupos de usuários permitirão ao varejista a criação de sua própria comunidade para envio de promoções, por exemplo.

Se bem arquitetado, uma marca poderá aumentar seu engajamento por dessas comunidades, juntamente como um serviço de pagamento ágil através de sua própria API. Será um passo importante na evolução das boas práticas em Customer Experience e uma porta para novos investimentos. Um dado que evidencia essa tendência vem da própria PicPay, que atualmente tem 15% dos usuários utilizando o chat do PicPay como alavanca de negócios.

Leia mais: Pix e cartão virtual atendem público cada vez mais consciente

A preferência dos consumidores por pagamentos descomplicados

Esse movimento reflete o aumento da preferência dos consumidores por pagamentos descomplicados. Uma tendência de quem se preocupa com a conveniência, agilidade e a segurança.

Vale lembrar um estudo realizado pela FIS, em parceria com a Ipsos, que observou a mudança de hábitos do consumidor sobre meios de pagamento no último ano. Um grupo de 52% dos entrevistados afirmou ter utilizado pagamentos online, 49% adquiriu sua mercadoria por meio de aplicativos e 40% optou por pagamentos sem contato em 2021.

A pesquisa ainda demonstra que  há uma aceitação crescente da população a outros meios de pagamentos como QR Codes (31%) e Buy Now Pay Later (13%). Uma mudança de hábitos que reflete não só a disponibilidade do consumidor como também o aumento de novas ferramentas e inovações tecnológicas para meios de pagamento.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente 


+ Notícias

Varejo disruptivo: como o Open Banking e o PIX devem transformar o setor no futuro 

Veja ferramentas que dificultam fraudes em pagamentos 

 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS