Como o TikTok está revolucionando as vendas online

Após a plataforma para a criação e compartilhamento de vídeos curtos conquistar milhares de usuários, diversas marcas decidiram utilizá-la como estratégia para a comercialização de produtos e serviços

Foto: Shutterstock

Nos últimos anos, o TikTok se tornou uma das redes sociais mais utilizadas em todo o mundo. A ferramenta, que tem como principal objetivo a gravação e o compartilhamento de vídeos curtos, em 2021, bateu a marca de 1 bilhão de usuários ativos por mês, o que corresponde a quase 14% da população mundial.

Aprenda como produzir vídeos que engajam e conquistam seguidores, fãs e clientes. 

Segundo um levantamento realizado pelo portal de dados Statista,Brasil é o segundo país que mais utiliza o aplicativo, com 4,72 milhões de consumidores mensais, ficando atrás apenas da China.

Já em relação ao perfil dos usuários, não só do Brasil, mas do mundo inteiro, uma pesquisa da BusinessOfApps revela que 59% são mulheres, 39% homens e 2% outres. Além disso, de acordo com um estudo do próprio TikTok, 66% desses indivíduos têm menos de 30 anos.

Com esse cenário, não demorou muito para que a plataforma se tornar também um ambiente comercial. Através de vídeos curtos, com conteúdos divertidos ou um pouco mais “sérios”, diversas marcas vêm conquistando um público fiel, que, posteriormente, podem se tornar futuros compradores. Mas o rede não é apenas um lugar para divulgar marcas. O TikTok vem revolucionando o comércio digital e o phygital (fusão entre as estruturas físicas e digitais). Isso ocorre porque a plataforma oferece recursos que permitem que os usuários descubram ofertas e produtos enquanto uma comunidade.

Rafael Beraldi, CMO da agência de marketing Camelo Digital, acredita ainda que, graças ao algoritmo certeiro do aplicativo, é possível realizar com precisão a entrega de conteúdos relevantes para públicos específicos. Contudo, ele alerta que é preciso personalização por parte das marcas em seus anúncios, pois a geração que utiliza a ferramenta exige um material ultra personalizado.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Marcas populares no TikTok

E já que a moda é estar presente no TikTok, algumas marcas nacionais e internacionais vêm realizando essa tarefa de maneira exímia, como é o caso da OLX,Monange,QuintoAndar, Bauducco, McDonald`s, Samsung e Apple.

Rafael Beraldi esclarece que tais empresas se destacam nas vendas através do aplicativo devido à realização de práticas assertivas para conquistar o público-alvo.

“A OLX tem se destacado no TikTok com a fórmula de diversão, música, dança e celebridade, usando a Kelly Key para fazer uma paródia da sua música ‘Baba’. A Bauducco também vem utilizando essa estratégia de celebridades, ao apresentar a Maisa, o Caio Castro, a Camilla de Lucas, a Gkay e o João Guilherme para divulgar os seus produtos. Já o McDonald`s tem investido em anúncios com pessoas jovens, focando na hiper personalização para atingir seus objetivos”, acrescenta o CMO da agência Camelo Digital.

@bauducco

@maisa: O clima de Natal também chegou por aqui, o challenge mais delicioso hahah façam também! #SeTransporteProNatal #ChocottoneBauducco

♬ som original – bauducco

Leia mais: Para entregar hiper-personalização, é preciso ser data driven

Ofertas pelo TikTok

Apesar da hiper personalização de conteúdos ser um diferencial das divulgações pelo TikTok, para que diferentes marcas – inclusive as citadas acima – consigam conquistar um público fiel, é preciso também investir em práticas acessíveis de ofertas.

E para realizar essa tarefa, Rafael Beraldi comenta que muitas empresas costumam ofertar seus produtos e serviços por meio de um link – fixado no meio do vídeo – que leva até a respectiva loja virtual. Dessa forma, uma simples “passada de olho” pelo anúncio pode se tornar uma venda.

Outro fator importante para que um produto anunciado no TikTok seja vendido com facilidade são os formatos de pagamento disponibilizados pelas marcas em questão. No caso, uma variedade de meios para a monetização é sempre bem-vindo.

Além das modalidades de pagamento conhecidas, como cartão de crédito e boleto bancário, as empresas também decidiram investir no aceite do PIX, garantindo assim facilidade nas transações comerciais.

Omnicanalidade

Por fim, a omnicanalidade (uniformização, padronização e integração de todos os canais de atendimento on-line, de forma a proporcionar uma boa experiência para o cliente) é um elemento essencial quando se trabalha com vendas através do TikTok.

E para isso, a plataforma de criação e compartilhamento de vídeos curtos vem investindo em diversas práticas assertivas. “O TikTok agora permite a captação do comportamento do consumidor nas lojas digitais e no site das marcas através de um pixel. Esta funcionalidade fornece aos anunciantes um insight detalhado sobre o comportamento dos clientes”, discorre Rafael Beraldi.

Nesse caso, sabendo como se comportam os usuários, as empresas poderão investir em medidas que forneçam uma exímia experiência para os mesmos.

Nem sempre o TikTok é um canal para a concretização da venda, mas sim um meio para chegar até ela. Logo, para que as marcas possam realizar uma vendagem, é importante que haja uma ponte entre a plataforma e o e-commerce.

Ao analisar a situação, foi exatamente isso que o TikTok fez. Nos últimos tempos, o aplicativo para criação e compartilhamento de vídeos curtos anunciou uma integração com ferramentas de e-commerce. Entre elas, estão: Kyte, Loja Integrada, PrestaShop, Shopify, VTEX e Tray.

No caso da última plataforma citada, a Tray, a mesma é pauta de uma grande inovação entre redes sociais e vendas. Isso porque ela apresenta opções de serviços acessíveis e com um ecossistema completo, permitindo que as empresas criem anúncios no TikTok e acompanhem suas métricas.

Atitudes que vendem e que não vendem

Um ponto importante que ainda precisa ser abordado é: como realizar anúncios vendáveis? Afinal, essa rede social é poderosa, mas as marcas não podem deixar de dar aquele “empurrãozinho” na questão da qualidade da propaganda.

Determinadas atitudes podem dar mais força para a comercialização dentro da plataforma, como criação de um bom calendário de conteúdo, realização de tutoriais para a divulgação dos produtos e serviços e a produção de um “making-of” da forma de trabalho das empresas.

O CMO Rafael Beraldi acrescenta ainda que para montar publicidades altamente vendáveis pelo TikTok é preciso descobrir quem é o público-alvo, entender as necessidades de tais consumidores, ser honesto e sincero, além de sempre analisar os resultados já adquiridos.

E o que deve ser evitado? Especialistas concordam que a falta de empatia com o público, a criação de anúncios preconceituosos ou que ofendam alguma minoria e a defesa de valores e propósitos que não condizem com os da empresa, são práticas que devem estar fora de cogitação.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

*Por Agnes Faria.


+ Notícias

Quais redes sociais mais combinam com a sua marca?

Os perigos das redes sociais para a saúde mental dos adolescentes 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS