Estudo aponta o melhor carro elétrico da atualidade – e não é da Tesla

Estudo conduzido por uma consultoria americana analisou quase 190 modelos de carros elétricos. E o vencedor surpreendeu

Tempo de leitura: 2 minutos

29 de junho de 2022

Um levantamento feito pela JD Power, uma consultoria de consumo norte-americana, apontou o que seria o melhor carro elétrico da atualidade, considerando fatores como peças, deterioração e outros quesitos. E o primeiro lugar não foi ocupado a Tesla- muito menos o segundo.

De acordo com o estudo, de uma maneira geral, os resultados deste ano mostram uma queda na qualidade dos carros elétricos na comparação com 2021. Em suma, a indústria experimentou um aumento de 11% nos problemas de 100 veículos analisados. Um dos motivos seria a falta de peças no mercado, tais como chips. De fato, ele se tornaram escassos a partir da pandemia.

Leia também: Muito além do carro elétrico: conheça outros combustíveis limpos usados pelas montadoras

“Dados os muitos desafios que as montadoras e seus revendedores tiveram que enfrentar no ano passado, é um tanto surpreendente que a qualidade inicial não tenha caído ainda mais drasticamente”, disse David Amodeo, diretor global automotivo da JD Power.

A pesquisa é baseada em informações de um total de 84.165 proprietários e locatários de carros elétricos de uso pessoal, registrados entre novembro de 2021 e fevereiro. As respostas das pesquisas forneceram dados para 33 marcas diferentes e 189 modelos de veículos diferentes.

E o vencedor é…

O surpreendente campeão deste ano na categoria geral é o Buick Encore GX, da General Motors (GM). O que chama a atenção é que carro elétrico da GM ocupou a 12ª posição no ano passado.

Buick Encore GX. Crédito: divulgação

No ranking das marcas premium, a vencedora foi a Genesis, seguido de Lexus e Cadillac.

Considerando os prêmios de todas as categorias, a marca que mais acumulou vitórias foi a General Motors Company (nove prêmios), seguida pela BMW AG (cinco); Hyundai Motor Group (três).

E a Tesla?

Os veículos da marca Tesla entraram no estudo pela primeira vez este ano e ocuparam a sétima posição. No entanto, a empresa se tornou inelegível para o ranking por causa da falta da escassez de informações necessárias para o levantamento.

“Como a Tesla Motors não permite que a JD Power acesse as informações do proprietário nos estados onde essa permissão é exigida por lei, os veículos da Tesla permanecem inelegíveis para prêmios”, afirma.

Veja o estudo completo AQUI.


+ Notícias

Eletromobilidade: desafios e oportunidades para o Brasil

Demandas dos consumidores por mobilidade pós-Covid-19  




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS