Anywhere Office: tendência pode impulsionar o setor hoteleiro

Pesquisa da ViajaNet destaca que a busca por room office em hotéis e pousadas está ganhando força

Foto: Pexels

Que a pandemia trouxe uma série de desvantagens, todo mundo já está careca de saber. A própria mudança do trabalho para o home office é um exemplo: muita gente teve — e ainda tem — muita dificuldade para manter uma rotina e continuar produtivo como era no trabalho presencial. No entanto, o home office também trouxe algumas vantagens, entre elas, a tendência do anywhere office (trabalho de qualquer lugar).

A novidade traz uma mudança de ambiente que descaracteriza um pouco o home-office: ao invés de trabalhar em um espaço dentro de casa, o anywhere office significa a possibilidade de a pessoa trabalhar, literalmente, de qualquer lugar — e isso inclui durante uma viagem, por exemplo.

A tendência ajuda o setor de turismo, visto que as pessoas buscam por cômodos em lugares distantes para variar o ambiente de trabalho. Um estudo realizado pela ViajaNet aponta que além da busca por viagens nacionais, com menos tempo de deslocamento e mais contato com a natureza, cresceu também a procura por acomodações equipadas para o trabalho em locais turísticos.

Uma oportunidade para o setor de hotelarias

A presença do anywhere office acabou unindo o “útil ao agradável”: muitos brasileiros que tinham sede de viajar e estavam fartos de ficar dentro de casa, optaram por realizar uma viagem mesmo durante o período integral de trabalho — o que, em momentos normais, ficaria restrito a um momento de férias. Assim, localidades que oferecem mais contato com a natureza, no interior, passaram a ser mais procuradas.

Essa movimentação gerou uma oportunidade para o setor de hotelarias. De acordo com a pesquisa da ViajaNet, cada vez mais as pousadas e hotéis têm adaptado um ambiente destinado ao trabalho remoto para seus hóspedes, seja dentro do próprio quarto ou com a criação de um room office (sala de trabalho) — sempre seguindo os protocolos sanitários para evitar o contágio do vírus.

Dentro desses espaços, há itens de escritórios disponíveis para uso pelos hóspedes: mesas, cadeiras, uma rede de Wifi com boa banda larga e a garantia de um local seguro e silencioso.

O estudo aponta, ainda, que os turistas que procuram acomodações para o anywhere office também priorizam a segurança em meio à pandemia. Sendo assim, espaços arejados, que seguem os protocolos de segurança à risca e são transparentes com os hóspedes têm obtido destaque. O principal foco, destaca a pesquisa, é promover um ambiente que consiga misturar uma viagem com a jornada de trabalho.

Dessa forma, room offices com boa estrutura para o trabalho e que tenham vistas para natureza, por exemplo, costumam ser mais atrativos.


+ Notícias

O escritório do futuro será híbrido e o home office veio para ficar

Ecoturismo é tendência de viagens em 2021






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS